Uso de ontologia na recuperação da informação em acervos digitais de jornais

Luana Carla de Moura dos Santos, Marisa Bräscher

Resumo


Introdução: Visa a modelagem de uma ontologia do domínio do futebol para o tratamento de variações diacrônicas e sincrônicas da língua;

Objetivo: Apoiar a recuperação da informação em acervos digitais de jornais.

Metodologia: Trata-se de uma pesquisa aplicada, utilizando como base um acervo digital de jornal. Utiliza a metodologia OntoForInfoScience, de Mendonça (2015) para desenvolver a ontologia do domínio do futebol. Cronologicamente, o recorte estabelecido abrange terminologia utilizada entre 1900 a 2015, período que contempla a existência dos clubes de futebol no Brasil. A ontologia foi formalizada em linguagem lógica com o auxílio do editor Protegé. Como forma de avaliar a ontologia desenvolvida, elaborou-se questões de competência que foram executadas em linguagem SPARQL.

Resultados: A análise dos resultados permitiu evidenciar que sem o uso da ontologia nos acervos digitais de jornais, a recuperação das informações é exaustiva e recupera documentos não relevantes.

Conclusão: Com a inclusão da ontologia, a pesquisa por informações pode prescindir tanto letramento do usuário, pois com os relacionamentos formados, não é necessário realizar inúmeras buscas para recuperar conceitos e expressões equivalentes.


Palavras-chave


Recuperação da Informação. Acervo digital de jornal. Ontologia de domínio. Futebol

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2017v22n3p346



  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional