Bibframe: modelo de dados interligados para bibliotecas

Rogério Aparecido Sá Ramalho

Resumo


Introdução: O desenvolvimento tecnológico da última década tem proporcionado novos instrumentos de modelagem, representação e organização de recursos informacionais nas mais diversas áreas do conhecimento. No campo da Ciência da Informação destaca-se o Bibliographic Framework (BIBFRAME) como um novo modelo de dados que possibilita a descrição formal dos relacionamentos entre os recursos. Este modelo está relacionado com as tendências de pesquisa envolvendo Linked Data; Data Science; Publicação Ampliada e Web Semântica.

Objetivo: Fornecer subsídios teóricos que contribuam para uma melhor compreensão do modelo de dados BIBFRAME, descrever seus elementos e apresentar uma discussão sobre os principais desafios e perspectivas de uso deste novo modelo de dados em bibliotecas.

Metodologia: Pesquisa exploratória e descritiva, com abordagem teórica.

Resultados: Foram apresentadas as principais tecnologias, elementos conceituais e características do modelo BIBFRAME e relatados os desafios e perspectivas de uso deste novo modelo de dados em bibliotecas.

 Conclusões: O modelo BIBFRAME contribui para uma mudança de paradigma em relação à forma como encaramos os processos de controle, troca e compartilhamento de recursos informacionais, fornecendo um impulso para o reposicionamento das bibliotecas no cenário contemporâneo, a fim de fortalecer atividades relacionada à identificação e formalização dos relacionamentos entre recursos disponíveis na Web.


Palavras-chave


Sistemas de Organização do Conhecimento. Tecnologias da Informação e Comunicação. Modelagem de Dados. Ontologias. Web Semântica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2016v21n2p292

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional