Colégio invisível, revisão pelos pares e normalização documentária na revista do instituto histórico e geográfico de São Paulo

Carlos Roberto Massao Hayashi, Camila Carneiro Dias Rigolin, Vera Aparecida Lui Guimarães, Maria Cristina Piumbato Innocentini Hayashi

Resumo


Introdução: O artigo aborda a revisão pelos pares, o funcionamento do colégio invisível, o processo editorial (impressão, tiragem, periodicidade, distribuição) e a normalização documentária de um periódico que possui 121 anos de existência: a Revista do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (RIHGSP).

Objetivos: Analisar aspectos da comunicação científica, da editoração e da normalização documentária da RIHGSP.

Metodologia: Ancorado na perspectiva teórica da Ciência da Informação e da Sociologia da Ciência, o corpus analisado foi composto por 33 artigos publicados na RIHGSP entre 1895 e 2004.

Resultados: O estudo permite compreender como os editores e autores – que faziam parte da intelectualidade paulista e brasileira – e publicavam seus artigos na RIHGSP integravam parte de um colégio invisível no campo dos estudos históricos.

Conclusões: Os resultados obtidos podem iluminar futuros estudos sobre periódicos congêneres em busca de semelhanças ou diferenças com relação a esses aspectos.


Palavras-chave


Revista do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo. Colégio invisível. Revisão pelos pares. Comunicação Científica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2016v21n3p05



  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional