Pontos de Atenção para o Uso da Mineração de Dados da Saúde

Deborah Ribeiro Carvalho, Leandro Fabian Almeida Escobar, Denise Tsunoda

Resumo


Introdução: A Mineração de Dados representa uma alternativa para apoiar a decisório, mas não constitui prática regular nas atividades da Saúde. Objetivo: Revisar a literatura, identificando pontos de atenção na utilização da Mineração de Dados na área da Saúde. Metodologia: Os pontos de atenção foram obtidos mediante a análise de publicações em periódicos, sistematizados em quadros de referência cruzada e foram descobertas de regras associação e respectivas exceções. Resultados: Foram identificados 14 pontos, formando um conjunto de dados dos quais obtiveram-se 345 regras gerais e respectivas exceções. Os pontos mais citados são “previsão de eventos” e “auxílio ao planejamento” e os menos citados são “apropriação de protocolo específico” e “detecção de padrões em tempo real”. Percebe-se associação entre o “auxilio ao planejamento” e a “não detecção de padrões em tempo real”. Exceção ocorre, quando o “auxilio ao planejamento” é citado juntamente com “explicações causais”, associando-se à “detecção de padrões em tempo real”. Conclusões: Os pontos de atenção indicam critérios para a adoção da Mineração de Dados na Saúde. Destaca-se “explicações causais” que, citado em 8 artigos, determina exceções nas associações entre os demais pontos, indicando que a seleção da tarefa de mineração passa pela adequação às expectativas dos usuários.


Palavras-chave


Mineração de Dados. Saúde. Pontos de atenção

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2014v19n1p249



  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão somente online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional