Organização do Conhecimento: teorias semânticas como base para estudo e representação de conceitos

Lígia Café, Marisa Bräscher

Resumo


Considera que a organização do conhecimento envolve a análise semântica e que a Ciência da Informação necessita de referencial teórico para os estudos que visam à representação conceitual de domínios do conhecimento. Apresenta alternativas teórico-metodológicas oriundas da Linguística e que partem de uma base semântica do estudo da língua: Teoria da Valência, Gramática de Casos, Gráficos Conceituais e a Teoria da Gramática Funcional. Prioriza as propostas teórico-metodológicas que tenham como princípio de interpretação a problemática semântica e que oferecem um caminho para pensar e refletir questões relacionadas aos diferentes aspectos semânticos no campo da Organização do Conhecimento.


Palavras-chave


Organização do Conhecimento. Teorias Semânticas. Análise Conceitual.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1981-8920.2011v16n2p25

  

Inf. Inf.

ISSN: 1981-8920 (versão online)

DOI: 10.5433/1981-8920

e-mail: infoeinfo@uel.br



Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional