Leitura, literalidade e literatura infantil: reflexões necessárias à Biblioteconomia

Mariana de Souza Alves

Resumo


Introdução: Trata dos aspectos teóricos da literatura infantil e da importância do conhecimento dessa temática pelos (as) bibliotecários (as) para a sua atuação. Objetivo: Busca compreender e refletir como se configura a leitura literária infantil em termos teóricos e qual o significado e a importância da linguagem literária para a criança. Metodologia: Utiliza a pesquisa exploratória e bibliográfica para discutir a temática a partir da produção científica e literária de autores (as) e críticos (as), sobretudo no contexto brasileiro entre os fins da década de 1970 até fins dos anos 2000.  Resultados: Apresenta um resgate teórico dos estudos sobre leitura, literalidade e literatura infantil demonstrando como esses conceitos se relacionam entre si e ressaltando que tanto a leitura quanto a literatura são elementos permeados de contextos ideológicos, sociais e históricos de produção. Conclusões: Conclui que a literatura infantil opera no desenvolvimento do imaginário e da autonomia da criança e que o (a) bibliotecário pode contribuir com a emancipação do (a) leitor (a) por meio da mediação de leitura.

 

Palavras-chave


Leitura. Literatura. Literalidade. Literatura Infantil. Biblioteconomia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-4390.2020v9n1p143

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Inf. Prof.

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2317-4390 (versão online)

DOI: 10.5433/2317-4390

infoprof@uel.br

 


 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.