As relações entre os sujeitos e o compartilhamento da experiência: formações para implantação do projeto ‘Memórias de Paraisópolis’

Simone Borges Paiva

Resumo


Introdução: O presente relato é parte de tese de Doutoramento intitulada: Oficinas Intergeracionais: saberes e fazeres da experiência, mediação cultural e significação.

Objetivo: Relata o processo de formação de educadoras para a implantação do projeto ‘Memórias de Paraisópolis’.

Metodologia: Estruturado em forma de relato, o presente texto apresenta as ações empreendidas para permitir os processos de enunciação das narrativas da experiência pelas educadoras.

Resultados: As ações para enunciação e socialização da experiência ressignificam as práticas empreendidas no contexto investigado.

Conclusões: Os registros aqui apresentados indicam que o projeto Memórias de Paraisópolis, buscou oferecer condições para que os sujeitos pudessem contar suas histórias, dando-lhes não apenas voz, mas também um espaço para socialização e partilha dessas vozes, inserindo-as em um contexto de formação e informação do qual o grupo de educadoras fazia parte. 

Palavras-chave: Oficinas Intergeracionais, Mediação, Narrativas


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-4390.2016v5n2p206

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Inf. Prof.

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2317-4390 (versão online)

DOI: 10.5433/2317-4390

infoprof@uel.br

 


 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.