Museus e virtualidades: uma relação para o século XXI

Fábio Rogério Batista Lima, Plácida Leopoldina V. A. C. Santos, Julio Bittencourt Francisco

Resumo


Introdução: Antes da reprodução fotográfica, a apreciação da arte era limitada apenas às visitas físicas aos museus ou as coleções pessoais. Com a digitalização e a transposição de obras de arte para plataformas museológicas digitais cria-se simulacros das obras originais, e sua forma material e orgânica transforma-se em linguagem computacional de bits e bytes.

Objetivo: Identificar as características que indicam as transformações da estrutura de apresentação da obra de arte na sua passagem para ambientes virtuais quando digitalizadas, uma vez que a mudança de um sistema semiótico para outro ocasiona rupturas e mutações na qualidade estética da obra de arte produzida sobre um suporte e transferida para outro.

Metodologia: Com uso do método bibliográfico descritivo, verificaram-se as características de acesso à informação através das novas plataformas museológicas no ambiente Web.

Resultados: Com as plataformas digitais on-line, os museus perdem em intensidade, pois as obras expostas são representações das originais, no entanto, ganham em extensividade, pois democratizam o acesso.

Conclusões: Essas plataformas recontextualizam as obras e servem como guia e tradutor do acervo, levando o indivíduo a percorrer a exposição com um conjunto de informações que atuam como apoio didático-pedagógico no processo de aquisição de repertório e ampliação da base de conhecimento.

Palavras-chave: Museu Virtual. Imagem. Informação e Tecnologia. Intersemioses Digitais. Plataformas digitais. Museus de arte. Google Art Project.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-4390.2016v5n2p102

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Inf. Prof.

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2317-4390 (versão online)

DOI: 10.5433/2317-4390

infoprof@uel.br

 


 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.