Bibliotecas universitárias e a acessibilidade aos usuários surdos e com deficiência auditiva

Sulamita Nicolau de Miranda, Marcos Luiz Cavalcanti de Miranda

Resumo


Introdução: Aborda a questão da acessibilidade aos usuários surdos e com deficiência auditiva em bibliotecas universitárias analisando o Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO/UNIBIBLI.

Objetivos: verificar a adoção das recomendações das Diretrizes para Serviços de Biblioteca para Surdos (DSBS) da IFLA pelas bibliotecas do Sistema UNIBIBLI; identificar quais itens recomendados pelas DSBS são adotados pelas bibliotecas do UNBIBLI para garantir o atendimento aos usuários surdos e com deficiência auditiva; verificar se o UNIBIBLI tem uma política de acessibilidade que atenda às necessidades dos usuários surdos e com deficiência auditiva; identificar quais os parâmetros de acessibilidade adotados pelas bibliotecas analisadas no atendimento aos usuários surdos e com deficiência auditiva.

Metodologia: Adota-se a metodologia exploratória com abordagem qualitativa, os instrumentos de coleta de dados utilizados foram o questionário e a entrevista.

Resultados: Apontam que o UNIBIBLI não tem uma política de acessibilidade que atenda as especificidades dos usuários surdos e com deficiência auditiva, e que o Sistema adota parcialmente os itens recomendados pelas Diretrizes para Serviços de Bibliotecas para Surdos da IFLA, mas manifestou interesse em adequar-se às referidas recomendações.

Conclusões: A questão da acessibilidade não pode ser encarada apenas como o cumprimento da legislação e normas técnicas, é imprescindível que os profissionais que atuam nas bibliotecas estejam cientes de seus papéis perante a sociedade e da função social da biblioteca.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-4390.2015v4n2p04

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Inf. Prof.

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2317-4390 (versão online)

DOI: 10.5433/2317-4390

infoprof@uel.br

 


 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.