A qualidade da informação nos processos de contratação de obras de engenharia na Universidade Estadual de Londrina; Calidad de la información en el proceso de contratación de las construcciones y obras civiles en la Universidad Estadual de Londrina

Lucimeiry Maria Minuzzi-Nascimento, Maria Inês Tomaél

Resumo


Introdução: Na contemporaneidade, a informação é considerada como produto de alto valor que, bem analisada e tratada, pode ser, de forma direta, o diferencial para tomada de decisão em uma instituição. Assim, no contexto da Universidade Estadual de Londrina (UEL), uma Instituição pública de ensino superior que tem por norma licitar sempre que precisar contratar obras ou serviço de engenharia, o uso de informação é uma constante e, à medida que as informações são tratadas e diferenciadas, oportunizam melhores processos de decisão, com melhora da estrutura administrativa e da maneira de trabalhar.

Objetivo: Analisar a qualidade das informações que subsidiam a tomada de decisão nos processos licitatórios para contratação de obras de engenharia realizadas na UEL no ano de 2009.

Metodologia: Pesquisa documental, com intuito de levantar as informações mencionadas nos documentos que integram o processo licitatório. Uso de questionário com perguntas abertas para  identificar as informações e verificar sua relevância para os processos de licitação.

Resultados: Qualidade das informações encontradas nos documentos analisados e classificadas neste estudo como: (a) mínima - as que servem para cadastro da UEL, como o número do processo administrativo ou do edital; (b) crítica - as encontradas no edital que oferecem segurança para as ações e (c) potencial - estratégia dos gestores a decidirem pela melhor proposta para construção. Motivos informacionais que levaram à ocorrência dos aditamentos: (i) modificação da planilha de serviço, (ii) prorrogação de prazo de execução da obra e (iii) aumento de valor inicialmente contratado.. Também foi verificado a relevância do fluxo da informação para a tomada de decisão. Quanto ao valor das informações nos documentos que integram o processo licitatório para a tomada de decisão, foi verificado que tanto a informação classificada como mínima, quanto à crítica e a potencial tem o seu valor; contudo, não é suficiente ter estas informações; mas, sim, utilizá-las com propriedade, e quanto ao fluxo verificou-se que ele se mostra importante para a agilidade dos procedimentos; mas, não interfere na qualidade da informação.

Conclusões: os resultados desta pesquisa oportunizaram a descoberta de aspectos relacionados à prática profissional diante da importância da aprendizagem, na capacidade de discernir entre as informações quais são as mais apropriadas ao processo decisório em questão; a eficiência no uso, no armazenamento e no descarte da informação.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-4390.2012v1n1/2p93

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Inf. Prof.

Londrina/PR - Brasil
ISSN: 2317-4390 (versão online)

DOI: 10.5433/2317-4390

infoprof@uel.br

 


 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.