Contribuições da Educação Histórica para a aprendizagem em História

Ana Paula Rodrigues Carvalho

Resumo


O presente artigo propõe debater acerca das teorias da aprendizagem behaviorista, cognitivista e construtivista à luz da Educação Histórica. Enquanto as teorias psicológicas buscam explicar a aprendizagem histórica a partir da cognição ou de preceitos associacionistas, a Educação Histórica, enquanto campo de pesquisa, remete a aprendizagem à própria epistemologia da História. A partir desta perspectiva, o ensino de História deixa de ser validado pela quantidade de informações que o aluno é capaz de reter e passa a objetivar a progressão do pensamento histórico e o desenvolvimento da literacia histórica dos alunos. Neste sentido, a relação que os alunos estabelecem com os conceitos e categorias vinculados à racionalidade histórica assumem relevância para formação de sujeitos capazes de vincular a experiência do tempo à sua própria subjetividade, dotando-a de significância e usos para sua vida prática.

Palavras-chave


Educação Histórica. Literacia. Construtivismo social. Behaviorismo. Cognitivismo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2018v24n1p199

Apontamentos

  • Não há apontamentos.