História indígena no período republicano e os livros didáticos de História: uma reflexão necessária

André Luis Bertelli Duarte, Felipe Cesar Peres Tedeschi

Resumo


O ensino da história e cultura dos povos indígenas no Brasil vivenciou avanços significativos nos últimos anos impulsionados, sobretudo, pela sua obrigatoriedade definida pela lei 11.645/08. É inegável que esforços têm sido direcionados por professores e demais envolvidos na educação básica no sentido de oferecer um ensino de qualidade que seja capaz de responder ao desafio da educação para o exercício da diversidade em sua relação com os povos indígenas. Alguns desafios, entretanto, ainda se projetam no horizonte destes profissionais. Neste artigo discutimos especificamente a importância da superação de uma “lacuna” existente nos materiais didáticos de história destinados, atualmente, ao público do ensino fundamental, a saber, a pouca ênfase dada aos processos históricos engendrados no período republicano brasileiro que envolvem as diversas etnias indígenas. Sem o enfrentamento destas questões, o ensino da história e cultura destes povos em nossas escolas não conseguirá dimensionar e problematizar as suas diversas demandas históricas e contemporâneas. 

 

Palavras-chave: Povos indígenas brasileiros. República. Livros didáticos. História.


Palavras-chave


Ensino de história; Livro didático; Povos indígenas; Brasil republicano

Texto completo:

PDF

Referências


BITTENCOURT, Circe F. (Org). O saber histórico na sala de aula. São Paulo: Ed. Contexto, 1997.

BOULOS JUNIOR, Alfredo. História: sociedade & cidadania – edição reformulada. 2. ed. São Paulo: FTD, 2012.

BRAICK, Patrícia Ramos. Estudar História: das origens do homem à era digital. São Paulo: Moderna, 2011.

BRASIL. Lei 11.645, de 10 de março de 2008. Altera a Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, modificada pela Lei no 10.639, de 9 de janeiro de 2003, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura AfroBrasileira e Indígena”. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/ _Ato2007-2010/2008/Lei/L11645.htm>. Acesso em: 10 set. 2016.

CAMPOS, Flávio de; CLARO, Regina; DOLHNIKOFF, Miriam. História nos dias de hoje. São Paulo: Leya, 2012.

DOMINGUES, Joelza Ester. História em documento: imagem e texto. São Paulo: FTD, 2009.

FREIRE, Carlos Augusto da Costa; OLIVEIRA, João Pacheco de. A Presença Indígena na Formação do Brasil. Brasília: MEC, 2006.

GRAHAM, Laura. Os Xavante na cena pública. In: RICARDO, C.A. (Org.). Povos indígenas no Brasil, 1996-2000. São Paulo, Instituto Socioambiental, 2000.

GRUPIONI, Luís Donizete Benzi. Livros didáticos e fontes de informações sobre as sociedades indígenas no Brasil. In: GRUPIONI, Luís Donizete Benzi; SILVA, Aracy Lopes da (Org.). A Temática Indígena na Escola: novos subsídios para professores de 1º e 2º graus. Brasília: MEC/MARI/UNESCO, 1995.

KEHL, Maria Rita Relatório da. Violações de direitos humanos dos povos indígenas. In: COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE. Relatório da CNV: Textos Temáticos. Brasília, 2014, v. 2, texto 5, p. 198-256.

MARINO, Denise Mattos; STAMPACCHIO, Léo. História. 4. ed. São Paulo: IBEP, 2012.

MARTINS, Ezequiel de Araújo. Análise acerca das transformações no modo de vida Xavante: um olhar sobre o manejo do solo na aldeia Namunkurá. 2016. Monografia (Especialização em História e Culturas dos Povos Indígenas) - Universidade Federal de Uberlândia, 2016.

MONTEIRO, John Manuel. Negros da Terra: índios e bandeirantes nas origens de São Paulo. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

MONTEIRO, John Manuel. Tupis, Tapuias e Historiadores: estudos de história indígena e do indigenismo. 2001.Tese (Livre Docência) - Unicamp, Campinas, 2001.

PANAZZO, Silvia; VAZ, Maria Luísa. Jornadas.hist. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2012.

REIS, Lucas. Refrigerante e doce provocam epidemia de diabetes em índios em MT. Folha de São Paulo, São Paulo, 9 ago.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2017v23n2p85

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.