O Museu em processo: oralidades no uso pedagógico do Museu de Artes e Ofícios em Belo Horizonte/MG

Jezulino Lucio Mendes Braga

Resumo


Esse artigo apresenta a experiência de uma professora da educação básica que faz uso pedagógico dos museus para ensinar história. Trata-se da professora Cora que desenvolveu com alunos do EJA o projeto Desvendando o Primeiro de Maio, usando como estratégia a metodologia da história oral, leitura de textos e visita a exposição do Museu de Artes e Ofícios em Belo Horizonte. Com esse projeto a professora oportunizou aos estudantes do EJA a narrativa de suas memórias em diálogo com a história ensinada em sala de aula. O artigo também apresenta a concepção de museu em processo que vem sendo difundida nos textos da museóloga Tereza Scheiner. Essa concepção serve de base para pensar as atividades desenvolvidas pela professora Cora que estimulou a produção de narrativas autorais dando novo sentido a exposição museal e dialogando com os conteúdos curriculares propostos para a educação básica. A metodologia da história oral foi usada nas ações desenvolvidas no projeto.


Palavras-chave


museus- ensino de história-experiência

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2016v22n1p29

Apontamentos

  • Não há apontamentos.