Autoetnografia na pesquisa em educação histórica um desafio autonarrado

Lisiane Sales Rodrigues, Fernando Jaime González

Resumo


Integrar a autoetnografia como metodologia da pesquisa, e a pesquisa em Educação História no campo do saber empírico e epistemológico, é o desafio que esse texto apresenta. Numa perspectiva de pesquisadora e sujeito inerida no contexto da pesquisa, trago aqui a abordagem que está sendo desenvolvida em minha dissertação de Mestrado em Educação nas Ciências, de maneira que os métodos se cruzam, através das análises do contexto do lugar onde está sendo desenvolvida a pesquisa, observações dos alunos, suas narrativas e minhas autonarrativas que carregam as reflexões sobre minha prática, o cotidiano escolar e as influências que incidem sobre os sujeitos.


Palavras-chave


Autoetnografia, Educação Histórica, Aprendizagem Histórica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2015v21n2p343

Apontamentos

  • Não há apontamentos.