Andanças pela Rua Sergipe

Kenya Vieira de Souza e Silva, Vanessa Duarte, Carolina Rodrigues de Carvalho, Sirlei Borrasca de Brito

Resumo


O ensino e a aprendizagem da história nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental estabelece interface direta com a Educação Patrimonial. Os professores, em seu cotidiano, desenvolvem diversos trabalhos a partir de diferentes concepções do que venha a ser Patrimônio Histórico com intuito de fomentar nos alunos a relação com o passado, com a memória e com a ideia de preservação. Utilizando materiais produzidos no Projeto Educação Patrimonial (2005 – 2011), vinculado ao Projeto PROMIC – Programa Municipal de Incentivo à Cultura, analisamos o processo de aprendizagem dos alunos de uma escola municipal na cidade de Londrina e intentamos apresentar  possibilidades para um trabalho interdisciplinar. Esse texto divide-se em três partes: na primeira apresentamos os referenciais teóricos que balizam nosso conceito de Patrimônio Histórico e Educação Patrimonial. Na segunda discorremos sobre o que significa ensinar e aprender História considerando o Patrimônio Histórico da cidade como fonte para investigação. Na terceira apresentamos o trabalho desenvolvido na escola analisando-o na perspectiva de mapear as potencialidades apresentadas quanto à construção de conhecimento por parte de alunos e professores. O desenvolvimento desse trabalho inclui-se nas ações do PIBID/UEL/Pedagogia e conta com o apoio financeiro da CAPES.


Palavras-chave


Ensino de História. Patrimônio Histórico. Memória. Cotidiano Escolar.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2012v18nespp157

Apontamentos

  • Não há apontamentos.