Contar a vida, pensar a história: experiências na utilização das fontes orais no ensino da história

Cleusa Maria Gomes Graebin, Rejane Silva Penna

Resumo


O artigo tem como objetivo refletir sobre os depoimentos orais como fontes para o estudo e o ensino da história e mostrar experiências de trabalho com fontes orais no ensino fundamental e no superior. Metodologicamente, abordamos a incorporação, ao ofício do historiador, das fontes orais como documentos e, consequentemente, o que podemos esperar deste tipo de fonte. Discutimos sobre a incorporação das fontes orais ao ensino de história em todos os graus de ensino e apresentamos exemplos de experiências de aplicação das fontes orais em sala de aula.


Palavras-chave


História; Memória; Fontes orais; Ensino.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2238-3018.2006v12n0p83

Apontamentos

  • Não há apontamentos.