A ORGANIZAÇÃO DO ESPAÇO AMAZÔNICO E SEUS REFLEXOS NOS LUGARES: UM ESTUDO DE CASO NA ZONA RURAL DE PORTO VELHO (RO)

Reginaldo Martins da Silva de Souza, Vanderlei Maniesi

Resumo


Este trabalho apresenta uma análise do comportamento no Setor Periquitos, Zona Rural de Porto Velho-RO, diante da organização espacial proposta para Amazônia a partir de 1970.  A metodologia adotada envolveu a utilização de técnicas de SIG, sensoriamento remoto e aplicação de questionários.  Os resultados mostram que a formação da sociedade local está relacionada com o processo de ocupação na área de estudo que teve início em meados da década de 1970, através de migrantes procedentes das regiões Sul e Sudeste do Brasil, sucedidos no final da década 1990, por migrantes do próprio de estado de Rondônia.  A ação do Estado é contraditória, pois ao mesmo tempo em que insere a área de estudo em uma proposta de ordenamento do espaço que incentiva a produção agropecuária, se ausenta da condução do processo produtivo e articula as necessidades do capital local.  A atuação do capital na configuração local foi inicialmente conduzida pela atividade agropecuária, sendo que na segunda metade da década de 1990 verificou-se a introdução e o contínuo avanço do capital oriundo da zona urbana.  A intensa transformação do meio ecológico observada de 1976 a 2009 resultaram em limitações no uso do solo, que estão relacionadas à suscetibilidade natural a lixiviação, ao aumento da acidificação do solo, erosão e o assoreamento dos cursos de água.  O comportamento e as relações estabelecidas pelos elementos do espaço na região amazônica entre 1976 e 2009 influenciaram o processo de organização espacial da área de estudo.  Com a re-significação desses estímulos, no local imprimiu-se uma estrutura espacial ordenada, sobretudo, pelas contradições das ações estatais que oportunamente utilizaram a sociedade como força modificadora do meio ecológico, à medida que essa estrutura é articulada para o atendimento das demandas do centro urbano de Porto Velho.


Palavras-chave


Organização Espacial; Geoprocessamento; Porto Velho.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2012v21n1p065

Direitos autorais 2013 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com