Perdas de c-co2 do solo correlacionadas à radiação solar e temperatura no Semi-árido da Paraíba

Kallianna Dantas Araujo, Roberto Wagner Cavalcanti Raposo, Alberício Pereira de Andrade, Paulo Roberto de Oliveira Rosa, Eduardo Pazera Jr

Resumo


Nas regiões semi-áridas a elevada incidência da radiação solar e de temperatura e a alta variabilidade inter-anual da precipitação pluviométrica contribuem para as perdas de CO2 do solo. O objetivo da pesquisa foi analisar os efeitos da ação solar sobre as perdas ou evolução de C-CO2 numa micro-bacia hidrográfica que passa por um processo de degradação ambiental, localizada na Fazenda Experimental Bacia Escola/CCA/UFPB em São João do Cariri, inserida na Microrregião do Cariri Oriental do Estado da Paraíba, no nordeste brasileiro, durante o período de uma translação, compreendido entre os anos de 2003 e 2004. Foram definidos pontos de determinação para a avaliação da atividade microbiana por meio da produção de C-CO2 pelo método de campo e análise das variáveis meteorológicas: radiação solar e temperatura do solo a 5, 10 e 15 cm de profundidade. As maiores perdas de CO2 ocorreram nos dias de maior intensidade de radiação solar e insolação, portanto com maiores temperaturas, correspondentes aos meses de março, novembro, abril, e setembro.


Palavras-chave


Radiação solar, perda de CO2, Vulnerabilidade à radiação solar, Semi-árido paraibano.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2005v14n2p65

Direitos autorais 2010 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com