Condições ambientais da reserva ecológica estadual da Mata do Pau Ferro, Areia – PB

Marivaldo Cavalcante da Silva, José Eustáquio Rangel de Queiroz, Kallianna Dantas Araujo, Eduardo Pazera Jr.

Resumo


Este trabalho foi desenvolvido em um remanescente de Mata Atlântica na Mesorregião do Agreste Paraibano, no município de Areia - PB. O objetivo da pesquisa foi avaliar as condições ambientais da Reserva Ecológica Estadual da Mata do Pau Ferro, bem como adquirir e analisar dados de natureza socioeconômica dos moradores do interior e da periferia da reserva no período de doze meses (de agosto de 2001 a julho de 2002), visando subsidiar órgãos gestores de recursos ambientais. O trabalho foi dividido nas seguintes etapas: visitas de reconhecimento e destinadas à coleta de dados geoespaciais nos limites e interior da reserva; registros fotográficos de ações antrópicas; e entrevistas com os moradores. Os dados obtidos permitem concluir que a reserva apresenta alguns contrastes no que se refere à preservação e intervenção humana. A ausência de vigilância implica na falta de controle do órgão ambiental gestor da área sobre a entrada freqüente de visitantes na reserva. Registram-se atividades de caça, pesca, culturas de subsistência, uso de pastagem por animais exóticos, extração de lenha, descarte de lixo das habitações existentes no interior e na periferia da reserva.


Palavras-chave


Mata Atlântica, Degradação ambiental, Vulnerabilidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2006v15n1p51

Direitos autorais 2010 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com