Diagnóstico Quali-Quantitativo da Arborização Viária de Campo Mourão, Paraná

Guilherme Junges Leme, Marcos Clair Bovo, Ana Paula Colavite

Resumo


A arborização urbana viária é fundamental para a manutenção da qualidade de vida, visto que proporciona conforto aos habitantes das cidades, porém a ausência de planejamento tem causado problemas, principalmente relacionados à implantação e ao manejo da arborização em vias públicas. A pesquisa objetiva caracterizar e analisar a arborização viária no centro da cidade de Campo Mourão/PR, evidenciando a percepção dos moradores. O aporte metodológico teve por base levantamento quali-quantitativo das árvores por meio do aplicativo de celular Mapit, posteriormente foram inseridos no Google Earth Pro e exportados para o ArcGis para a elaboração dos mapas temáticos sobre a realidade arbórea do município. Os formulários foram disponibilizados para a população através da rede social Facebook. Os resultados obtidos por meio do mapeamento registraram 571 árvores, a maioria não apresentou conflitos e as que apresentaram foram principalmente em relação à fiação elétrica e calçada. O questionário apontou um conhecimento parcial sobre o tema e a maioria dos entrevistados demonstraram interesse em participar ativamente das decisões políticas relacionadas ao assunto e, até mesmo, em sua manutenção e conservação.

Palavras-chave


Vegetação urbana; Quali-quantitativo; Percepção; Distribuição espacial; Elementos urbanos.

Texto completo:

PDF

Referências


ABNT. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 9050: Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. 2020. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2021.

ALBERTIN, Ricardo Massulo et al. Diagnóstico Quali-quantitativo da arborização viária de Nova Esperança, Paraná, Brasil. Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, Curitiba, v. 6, n. 3, p. 128-148, 2011. Disponível em:. Acesso em: 15 mar. 2021.

AMORIM, Margarete Cristiane de Costa Trindade. Caracterização das Áreas Verdes em Presidente Prudente. In: SPÓSITO, Maria Encarnação Beltrão. Textos e contextos para a leitura geográfica de uma cidade média. Presidente Prudente: Programa de Pós-Graduação em Geografia. FCT/UNESP GASPERR, 2001. p.32-45.

ALMEIDA, Ediglécia Pereira de; FERNANDES, Samara Paulo Santos; SOUTO, Patrícia Carneiro. Arborização urbana na percepção da população do distrito de Iara no Ceará. Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, Curitiba, v. 14, n. 2, p. 16-30, 2019. Disponível em: < https://revistas.ufpr.br/revsbau/article/view/65692/pdf>. Acesso em: 06 mar. 2021.

BONAMETTI, João Henrique. A Arborização Urbana. Terra & Cultura, Londrina, Ano XIX, v. 36, p. 51-55, 2019. Disponível em: < https://web.unifil.br/docs/revista_eletronica/terra_cultura/36/Terra%20e%20Cultura_36-6.pdf>. Acesso em: 15 abr. 2021.

BOVO, Marcos Clair. Áreas verdes urbanas, imagem e uso: um estudo geográfico sobre a cidade de Maringá–PR. 2009. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 2009. Disponível em . Acesso em: 30 abr. 2021.

BRASIL. Lei nº 6.938, de 31 de agosto de 1981. Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2020.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Texto original, de 5 de outubro de 1988. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2020.

BRASIL. Lei nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998. Dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente, e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2020.

BRASIL. Estatuto da Cidade. Lei 10.257, de 10 de julho de 2001. Regulamenta os arts. 182 e 183 da Constituição Federal, estabelece diretrizes gerais da política urbana e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 10 jun. 2020.

CONFEA. Conselho Federal de Engenharia e Agronomia. Acessibilidade - Guia prático para o projeto de adaptações e novas normas. Confea/Comissão Temática de Acessibilidade e Equipamentos-CTAE, 2018. Disponível em: . Acesso em: 01 mai. 2021.

FRANÇA, Tainã Potiguara França de; SANTOS, Carla Zoaid Alves dos; GOMES, Laura Jane. Arborização de Aracaju: uma percepção dos seus moradores. Geografia, Londrina, v. 21, n.2., p. 05-22, 2012.Disponível em: < http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/geografia/article/view/9507>. Acesso em: 30 abr. 2021.

GOOGLE. Google Satélite. Mosaico de Imagens de Satélite de Campo Mourão – Paraná. 2020a.

GOOGLE. Google Earth Pro. 2020b.

GOMES, Marcos Antônio Silvestre; AMORIM, Margarete Cristiane de Costa Trindade Arborização e conforto térmico no espaço urbano: estudo de caso nas praças públicas de Presidente Prudente (SP). Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 4, n. 10, p. 94-106, 2003. Disponível em: < http://www.seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15319>. Acesso em: 30 abr. 2021.

HERNANDEZ, Jessika Alesandra Zambrano. Mapeamento da arborização de calçadas nas vias públicas de Ponta Grossa - PR com uso de sensoriamento remoto. 2020. Dissertação (Mestrado em Gestão do Território) - Universidade Estadual de Ponta Grossa, Ponta Grossa 2020. Disponível em:. Acesso em: 29 abr. 2021.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Geociências. Organização do território. Malha municipal, 2015. Disponível em < https://www.ibge.gov.br/geociencias/organizacao-do-territorio/15774-malhas.html?=&t=downloads>. Acesso em: 01 jun. 2020.

MILLER, Robert; HAURER, Richard; WERNER, Les. Urban Foresty: Planning and Managing Urban Greenspaces. Upper Saddle River: Prentice Hall, 1997.

NUCCI, João Carlos. Qualidade ambiental e adensamento Urbano. São Paulo: Humanistas/FFLCH-USP, 2001.

OSMF. Fundação OpenStreetMap. Dados abertos. 2020.

PARANÁ. Manual para Elaboração do Plano Municipal de Arborização Urbana. Ministério Público do Estado do Paraná. Curitiba, 2018.

PEREIRA, Aloiso Wernek et al. Análise quali-quantitativa da arborização urbana de dois bairros do município do Rio de Janeiro por meio do geoprocessamento. Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana, Curitiba, v. 14, n. 2, p. 43-61, 2019. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2021.

PIVETTA, Kathia Fernandes Lopes; SILVA FILHO, Demóstones Ferreira Silva. Arborização urbana. Jaboticabal: UNESP/FCAV/FUNEP, 2002. p. 74.

RIVELINI, Poliana Montoro; GOMES, Márcio Fernando. Análise da arborização viária e sua relação com a infraestrutura urbana na Rua Luiz Pereira Barreto, Araçatuba-SP. Contemporânea Revista UniToledo: Arquitetura, Comunicação, Design, Educação e História, Araçatuba, v. 2, n. 1, p. 88-103, 2017. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2021.

SANTOS, Miriã Cruz. Análise da distribuição espacial da arborização urbana no Bairro Jardim Rosa Branca em Jaú – SP. Revista Eletrônica de Tecnologia e Cultura, Jundiaí, v. 25, n. 25, p. 46-65, 2019.

SÃO PAULO. Prefeitura de São Paulo. Secretaria do Verde e do Meio Ambiente. Manual Técnico de Arborização Urbana. 2015. Disponível em: . Acesso em: 28 mar. 2021.

SCHUCH, Maria Ione Sarturi. Arborização urbana: uma contribuição à qualidade de vida com uso de geotecnologias. 2006. Dissertação (Mestrado em Geomática) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2006. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2021.

SOUZA, Mariana Cristina Cunha Souza.; AMORIM, Margarete Cristiane Costa Trindade. Qualidade ambiental em áreas verdes públicas na periferia de Presidente Prudente SP: os exemplos dos bairros Humberto Salvador e Morada do Sol. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 17, n. 57, p. 59-73, 2016. Disponível em: . Acesso em: 30 abr. 2021.

TADENUMA, Sandra Stoker Kremer. Espacialização da arborização de vias públicas por densidade e níveis de atenção na área urbana de Ponta Grossa (PR). 2019. Dissertação (Mestrado em Gestão do Território) - Universidade Estadual de Ponta Grossa, Ponta Grossa, 2019. Disponível em . Acesso em: 30 abr. 2021.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2021v30n2p233

Direitos autorais 2021 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com