A Disputa pela Terra e a Negação do Direito à Moradia: o caso da Ocupação “Aparecidinha” em Londrina/PR

Tatiana Monteiro Gomes

Resumo


O conceito de direito à cidade, como referência teórica, é uma ferramenta importante para plataformas de reivindicação, legitimação e resistência através de movimentos e agentes sociais coletivos, ganhando relevante visibilidade e inspirando debates teóricos no campo de estudos sobre o espaço urbano e nas lutas dos movimentos sociais urbanos. Neste sentido, o direito à moradia não apenas dele faz parte, mas constitui-se em direito básico e fundamental. Dessa forma, o presente artigo tem como objetivo central analisar a disputa pela terra urbana e os obstáculos à produção do direito à cidade e à moradia, tendo como recorte empírico e espacial o caso da Ocupação “Aparecidinha”, na cidade de Londrina-PR. Retomando a trajetória histórica da ocupação, procuramos identificar e compreender, a nível local, as relações de força entre diferentes agentes na produção daquele espaço, para análise das circunstâncias de realização dos direitos sociais e da resistência dos agentes sociais não hegemônicos frente às imposições dos processos de reprodução do capital no espaço. A partir das análises realizadas, observamos, entre outros aspectos, de que forma se configuram os contextos tanto de luta pelo acesso à terra urbana e à cidade, quanto de violação de tais direitos sociais a partir de determinações e dinâmicas políticas e econômicas, a diversos níveis de ação, que, ganhando diferentes nuances nos espaços da cidade, interferem diretamente na estrutura da mesma.

Palavras-chave


Espaço urbano; Direito à cidade; Política habitacionais; Produção capitalista do espaço; Ocupação Aparecidinha; Londrina/PR.

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, Marlon Altavini de. Diferenciando o espaço e produzindo cidades: Lógicas e agentes da produção do espaço urbano em Ribeirão Preto/SP e Londrina/PR. 2011. Dissertação (Mestrado em Geografia) - UNESP, Presidente Prudente, 2011. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/handle/11449/123915. Acesso em: 19 ago. 2020.

AMORIM, Wagner Vinicius. A produção da habitação social de mercado nas cidades médias de Londrina/PR e Maringá/PR. Espaço Aberto, Rio de Janeiro, v. 5, n. 1, p. 95-119, 2015.

AMORIM, Wagner Vinicius. A Produção social do espaço urbanoem Londrina - Pr: a valorização imobiliária e a reestruturação urbana. 2011. Dissertação (Mestrado em Geografia) - UNESP, Presidente Prudente, 2011. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/handle/11449/96701. Acesso em: 16 set. 2020.

BEIDACK, Andréa Rodrigues dos Santos; FRESCA, Tânia Maria. Reestruturação urbana e novas centralidades: um estudo sobre a zona norte de Londrina – PR. Boletim de Geografia, Maringá, v. 29, n. 2, p. 147-163, 2011.

BOTELHO, Adriano. O urbano em fragmentos:a produção do espaço e da moradia pelas práticas do setor imobiliário. São Paulo: Annablume, 2007.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Senado Federal, 1988.

BRASIL. Lei n. 10.257, de 10 de julho de 2001, que estabelece diretrizes gerais da política urbana e dá outras providências. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, p. 1, 11 jul. 2001. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/leis_2001/l10257.htm. Acesso em: 22 set. 2019.

BRASIL. Lei 12.424 de 2011. altera a lei nº 11.977, de 7 de julho de 2009, que dispõe sobre o programa minha casa, minha vida - pmcmv e a regularização fundiária de assentamento localizados em áreas urbanas, as leis nºs 10.188, de 12 de fevereiro de 2001, 6.015, de 31 de dezembro de 1973, 6.766, de 19 de dezembro de 1979, e 4.591, de 16 de dezembro de 1964, 8.212, de 24 de julho de 1991, e 10.406, de 10 de janeiro de 2002 - código civil; revoga dispositivos da medida provisória nº 2.197-43, de 24 de agosto de 2001; e dá outras providências. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, p. 2, 17 jun. 2011. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12424.htm >. Acesso em: 22 set. 2019.

CASARIL, Carlos Cassemiro. A expansão físico-territorial da cidade de Londrina e seu processo de verticalização: 1950-2000. GEOGRAFIA (Londrina), Londrina, v. 18, n. 1, p. 65-94, 2009.

FRAZÃO, Marcelo. Assentamento “renasce” com 234 barracos. Jornal de Londrina, Londrina, 29 jan. 2014. Folha Geral, p. 7.

GUERRA, Célia. Ocupação já tem 280 famílias. Folha de Londrina, Londrina, 10 set. 2001. Folha Cidades. Disponível em: https://www.folhadelondrina.com.br/cidades/ocupacao-ja-tem-280-familias-358247.html. Acesso em: 26 ago. 2020

HARVEY, David. O direito à cidade. Lutas sociais, São Paulo, n. 29, p. 73–89, 2012.

HARVEY, David. Cidades rebeldes: do direito à cidade à revolução urbana. São Paulo: Martins Fontes, 2014.

IBGE. Censo demográfico de 2017. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/defaulttab_agregado.shtm. Acesso em: 15 abr. 2020.

IBGE. Limites municipais. cidades@. Rio de Janeiro: IBGE, 2019. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/geociencias/organizacao-do-territorio/malhas-territoriais/15774-malhas.html?=&t=downloads. Acesso em: 29 ago. 2019.

LEFEBVRE, Henri. O direito à cidade. São Paulo: Centauro, 2001.

LINARDI, Maria Cecilia Nogueira. Pioneirismo e modernidade: a urbanização em Londrina – PR. 1995. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 1995.

LONDRINA. 2º Registro de Imóveis. 2º Ofício da Comarca de Londrina. Certidão de imóvel. Registro em: 25 jan. 1995.

LONDRINA. Prefeitura Municipal. Companhia Municipal de Habitação de Londrina. Perfil socioeconômico das famílias residentes na ocupação irregular: Nossa Senhora Aparecida/São Jorge/Bom Jesus. Londrina: COHAB-LD, 2017. Processo nº 19.002.082287/2019-12.

LONDRINA. Prefeitura Municipal. Companhia Municipal de Habitação de Londrina. Plano local de habitação de interesse social. Londrina: COHAB-LD, 2011. Disponível em: http://www1.londrina.pr.gov.br/dados/images/stories/Storage/cohab/cmhl/PLHIS/PLHIS-PLANO-LOCAL-DE-HABITACAO-DE-INTERESSE-SOCIAL.pdf. Acesso em 23 jan. 2020.

LONDRINA. Prefeitura Municipal. Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina - IPPUL. Plano Diretor Digital. Londrina: IPPUL, 2018. Disponível em: http://www1.londrina.pv.gov.br/dados/images/stories/Storage/ippul/RELATORIOS/ETAPA_2-CADERNO_DE_ANEXOS/PLANO_DIRETOR_DIGITAL_pdf. Acesso em: 19 out. 2019.

LONDRINA. Prefeitura Municipal. Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina - IPPUL. Sistema de Informação Geográfica de Londrina (SIGLON). Londrina: IPPUL, 2019. Disponível em: http://zoneamentofacil.londrina.pr.gov.br. Acesso em: 19 nov. 2019.

MARICATO, Erminia. A terra é um nó na sociedade brasileira... também nas cidades. Cultura Vozes, Petrópolis, v. 93, n. 6, p. 7-22, 1999.

MARSHALL, Thomas Humphrey. Cidadania e classe social: leituras sobre cidadania. Brasília: Senado Federal, 2002.

OGAWA, Vítor. São Jorge: de ocupação a bairro. Folha de Londrina, Londrina, 8 ago 2014. Folha Cidades. Disponível em: https://www.folhadelondrina.com.br/cidades/sao-jorge-de-ocupacao-a-bairro-889738.html. Acesso em: 26 ago. 2020.

OLIVEIRA, Edilson Luís de. A iniciativa privada e o parcelamento do solo na expansão de Londrina de 1970 a 2000. In: SIMPÓSIO INTENACIONAL CIDADES MÉDIAS: DINÂMICA ECONOMICAE PRODUÇÃO DO ESPAÇO URBANO, 1., 2005. Presidente Prudente. Anais [...]. Presidente Prudente: GAsPERR/UNESP, 2005. 1 CD-ROM.

PARANÁ. Tribunal de Justiça. (9ª Vara Cível). Processo nº 0003776-57.2014.8.16.0014 de 21 de janeiro 2014. Ação de reintegração de posse. Curitiba: Tribunal de Justiça, 2014.

RODRIGUES, Betânia. Cincão em festa: cinco conjuntos faz 25 anos. Folha de Londrina, Londrina, 8 dez. 2002. Caderno especial: Folha Opinião. Disponível em: https://www.folhadelondrina.com.br/opiniao/cincao-em-festa-cinco-conjuntos-completa-25-anos-427383.html. Acesso em: 23 set. 2019.

SANTOS, Milton. O Espaço do cidadão. São Paulo: Nobel, 1987.

SCHERER-WARREN, Ilse. Projetos de grande escala. A ocupação do espaço e a reação popular. Cadernos do CEAS, Salvador, n. 138, p. 51-65, 1992.

SCHERER-WARREN, Ilse. Sujeitos e movimentos conectando-se através de redes. Revista Política & Trabalho, João Pessoa, v. 19, p. 29-37, 2003.

SCHERER-WARREN, Ilse. Das mobilizações às redes de movimentos sociais. Sociedade e Estado, Brasília, v. 21, n. 1, p. 109-130, 2006.

SIGLON - SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA DE LONDRINA. Disponível em: http://siglon.londrina.pr.gov.br/arcgis/apps/webappviewer/index.html?id=825051b5b90e4073 9752ef474b8b67a5. Acesso em: 28 mar. 2020.

SILVA, William Ribeiro. Para além das cidades: centralidade e estruturação urbana: Londrina e Maringá. 2006. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 2006.

SILVA, William Ribeiro. Reestruturação urbana em Londrina. Entre a expansão dos capitais locais e a incorporação e subordinação aos agentes externos. In: SPOSITO, Maria Encarnação Beltrão; ELIAS, Denise de Souza; SOARES, Beatriz Ribeiro (org.). Agentes econômicos e reestruturação urbana e regional. Campina Grande e Londrina. São Paulo: Outras Expressões, 2013. v. 1, p. 319-334.

SPOSITO, Maria Encarnação Beltrão. A produção do espaço urbano: escalas, diferenças e desigualdades socioespaciais. In: CARLOS, Ana Fani; SOUZA, Marcelo Lopes; SPOSITO, Maria Encarnação Beltrão (org.). A produção do espaço urbano: agentes e processos, escalas e desafios. São Paulo: Contexto, 2011. p. 123-145.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2021v30n2p27

Direitos autorais 2021 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com