Refugiados em quadrinhos: proposta de ensino de geografia nos cursos integrados do Ifsp – Campus Avaré/SP

Juliano Ricciardi Floriano Silva, Diânice Oriane da Silva

Resumo


Este artigo é resultado de um projeto de ações de ensino, na modalidade de monitoria, realizada no Campus do IFSP, na cidade de Avaré, estado de São Paulo. O intuito desse projeto foi desenvolver com os alunos do ensino técnico integrado ao ensino médio, uma proposta de emprego da arte sequencial das histórias em quadrinhos na disciplina de Geografia. A arte sequencial é utilizada desde o entretenimento infanto-juvenil na forma das HQs como também é uma técnica adotada no cinema, na forma de storyboards, usada no planejamento de cenas que serão rodadas em cenários distintos. Acredita-se que essa linguagem pode ser utilizada também, com finalidades didáticopedagógicas, por isso, foram adaptados relatos de refugiados, que no momento de sua aplicação recheavam os noticiários internacionais, mostrando o drama dessas pessoas que se deslocavam em busca de uma vida melhor. Após a introdução e sensibilização ao tema, realizado pelo docente e o auxílio do bolsista/monitor, os alunos pesquisaram outros relatos de refugiados e transformaram em histórias em quadrinhos, que podem ser consultados na rede mundial de computadores.

Palavras-chave


Histórias em quadrinhos; Refugiados; Ensino de Geografia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2017v26n1p131

Direitos autorais 2017 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com