Aplicação de índices morfométricos para análise geomorfológica e neotectônica da Bacia do Rio Marés –PB, Brasil

Tamires Silva Barbosa, Max Furrier

Resumo


Os estudos morfométricos e neotectônicos na bacia do rio Marés se justificam pelo fato da mesma estar situada sobre uma única litologia –a Formação Barreiras, e apresentar mudanças ao longo do perfil longitudinal, não justificáveis pelos fatores climáticos ou litológicos. Apesar de não possuir volume de água significativo em seu canal principal, este tem entalhado seu vale significativamente, apontando para a possível influência neotectônica na área. Para análise da bacia foram utilizados: a carta topográfica Santa Rita na escala 1:25.000 e o software Spring5.2, para a confecção dos mapas temáticos e execução dos cálculos morfométricos. Os valores obtidos como resultado e as características morfológicas da bacia apontam para a influência de atividade tectônica recente sobre a área.

Palavras-chave


Morfometria; Neotectônica; Formação Barreiras; Bacia hidrográfica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2017v26n2p23

Direitos autorais 2017 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com