Especulação imobiliária e verticalização: um estudo a partir do Parque Cascavel em Goiânia

UBIRATAN PEREIRA RESENDE

Resumo


O presente trabalho tem como foco a análise das transformações sócio-espaciais associadas à criação do Parque Cascavel, nas imediações dos bairros Parque Amazônia, Vila Rosa e Jardim Atlântico, na região sul/sudoeste de Goiânia. Objetiva-se, a partir da observação empírica, investigar os processos de verticalização e adensamento populacional ocorridos na área nos últimos quinze anos. A abordagem aqui apresentada tem como aporte metodológico a concepção do espaço urbano enquanto materialização da dinâmica social e econômica, marcada pelas relações de poder intrínsecas à ação do Estado e do mercado imobiliário.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2013v22n2p79

Direitos autorais 2014 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com