Análise e interpretação do gradiente hidráulico do aquífero freático em uma área na região sul de Londrina - PR

Andre Celligoi, Mauricio Moreira dos Santos, Thiago Rossi Viana

Resumo


 

Um estudo hidrogeológico foi feito no sentido de se determinar o comportamento do nível freático próximo à uma nascente de água na zona sul de Londrina. Foram executados 10 furos de sondagens a trado até a rocha semi-alterada, dispostos em seqüências perpendiculares às curvas de níveis do terreno. Os gradientes hidráulicos de cada perfil, bem como os fluxos subterrâneos conseqüentemente, são direcionados da parte alta para a parte baixa e plana do terreno. Isto demonstra que a área de recarga local da superfície freática se encontra nas porções mais elevadas do terreno, sendo a área de descarga local localizada na parte mais rebaixada do relevo. Dessa forma, os alagamentos ocasionais verificados ao longo do ano na parte mais baixa e plana do relevo local não podem ser atribuídos a acumulações de águas pluviais nestas porções do terreno, mas sim de uma interceptação da superfície freática com o relevo.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2447-1747.2001v10n1p79

Direitos autorais 2012 GEOGRAFIA (Londrina)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Locations of visitors to this page

 

Geografia (Londrina)

ISSN: 0102-3888

E-ISSN: 2447-1747 

E-mail: revista.geografia.uel@gmail.com