LITERATURA PERIFÉRICA E RESISTÊNCIA: UMA EXPERIÊNCIA CARTONEIRA

Alessandra Paula Rech

Resumo


O presente artigo discute a importância das publicações alternativas como resistência à hegemonia das editoras transnacionais. Faz um breve resgate da Geração Mimeógrafo e levantamento da produção alternativa em circulação na atualidade. Avalia a retomada dos movimentos colaborativos na sociedade, compreendendo-os como desejo de desaceleração representativo da pós-modernidade, no enfrentamento de questões políticas emergentes. Por fim, apresenta parceria entre pesquisadora e ONG, em busca de alternativas aos escritores periféricos na Serra gaúcha. O referencial teórico contempla Sartre, Maffesoli, Bhabha e Hollanda.

Palavras-chave


Movimento Cartoneiro; mercado editorial; periferia; pós-modernidade.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Ozeias. Esse órgão comprometido pelos excessos. Caxias do Sul, Edição Cartoneira UCS-Rim Viver, 2016.

ARENDT, João Claudio. Poemas para escaninho. Caxias do Sul, Edição cartonera UCS-Rim Viver, 2016.

BAKHTIN, Mikhail. Speech genres & other late essays. Austin, University of Texas Press, 1986.

BENJAMIN, Walter. Sobre arte, técnica, linguagem e política. Lisboa: Relógio d’Água, 1992.

BHABHA, Homi K. O local da cultura. Tradução de Myriam Ávila, Eliana Lourenço de Lima Reis, Gláucia Renate Gonçalves. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 1998.

GIRON, Loraine Slomp; RADÜNZ, Roberto. Imigração e cultura. Caxias do Sul: Educs, 2007.

HARVEY, David. A condição pós-moderna. Tradução: Adail Ubirajara Sobral e Maria Stela Gonçalves. São Paulo: Edições Loyola, 2011.

HOLLANDA, Heloísa Buarque de (comp). 26 poetas hoje - Antologia. Rio de Janeiro, Editorial Labor do Brasil, 1976.

JAMESON, Fredric. Pós-modernidade e sociedade de consumo. São Paulo: Cebrap, Novos Estudos n. 12 - p 16-26 - junho de 1985.

MAFFESOLI, Michel. A transfiguração do político: a tribalização do mundo. Porto Alegre: Sulina, 2001.

MAFFESOLI, Michel. O instante eterno: o retorno do trágico nas sociedades pós-modernas. Porto Alegre: Zouk, 2003.

MANDEL, Ernest. O capitalismo tardio. São Paulo: Nova Cultural, 1985.

SANTIAGO, Silviano. Uma literatura nos trópicos: ensaios sobre dependência cultural. Rio de Janeiro, Rocco Digital, 2000.

SARTRE, Jean-Paul. Que é a literatura? Tradução Carlos Felipe Moisés. São Paulo, Editora Ática, 2004.

TIBURI, Márcia. Como conversar com um fascista. Rio de Janeiro: Record, 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Estação Literária
Londrina/ PR
ISSN: 1983-1048
E-mail: estacaoliteraria@uel.br