As palavras e as coisas: o inventário poético de Ana Martins Marques

Paulo Benites

Resumo


O presente trabalho se propõe a analisar poemas que representam a figuração das coisas, tema recorrente na poética de Ana Martins Marques. Por meio de procedimentos metafóricos e recursos estéticos de criação da imagem poética a autora se vale de um discurso metapoético e explora a materialidade do poema. A hipótese que se levanta é a de que os recursos metafóricos apontam para uma tentativa da poeta em mostrar o próprio poema como um objeto capaz de condensar, por meio da linguagem, a experiência do mundo.


Palavras-chave


Ana Martins Marques; Imagem poética; Metáfora; Poesia brasileira contemporânea.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, Carlos Drummond de. Nova reunião: 23 livros de poesia. São Paulo: Companhia das Letras, 2015

ARISTÓTELES. A poética clássica. Trad. Roberto de Oliveira Brandão. 12. ed. São Paulo: Cultrix, 2005.

BANDEIRA, Manuel. Seleta em prosa e verso. 4. Ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1986.

BANDEIRA, Manuel. Estrela da Vida Inteira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1993.

BARROS, Manoel de. Gramática Expositiva do Chão: poesia quase toda. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1990.

BOSI, Alfredo. O ser e o tempo da poesia. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

LORCA, Frederico García. Conferências. Trad. Marcus Mota. Brasília: Editora UnB, 2000.

MARQUES, Ana Martins. A vida submarina. Belo Horizonte: Scriptum, 2009.

MARQUES, Ana Martins. Da arte das armadilhas. São Paulo: Companhia das Letras, 2011.

MARQUES, Ana Martins. O livro das semelhanças. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

MACIEL, Maria Esther. A memória das coisas: ensaios sobre literatura, cinema e artes plásticas. Rio de Janeiro: Lamparina editora, 2004.

MILLER, Daniel. Trecos, troços e coisas: estudos antropológicos sobre a cultura material. Trad. Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Zahar, 2013.

PAZ, Octavio. O arco e a lira. Trad. Ari Roitman e Paulina Wacht. São Paulo: Cosac Naify, 2012.

RANCIÈRE, Jacques. A partilha do sensível: estética e política. Trad. Mônica Costa Neto. São Paulo: Editora 34, 2005.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Estação Literária
Londrina/ PR
ISSN: 1983-1048
E-mail: estacaoliteraria@uel.br