A errância e a busca do aniquilamento do protagonista do conto “Jim”, de Roberto Bolaño

Rosilene Santos da Silva, Altamir Botoso

Resumo


O propósito deste artigo é analisar o protagonista do conto “Jim”, do escritor chileno Roberto Bolaño, evidenciando o fato de que esse personagem vive em trânsito, não se adapta ao mundo contemporâneo e procura uma forma de se evadir da realidade que o oprime. As análises efetuadas pautar-se-ão pelos estudos teóricos de Xerxenesky (2012), Felippe (2014), Candia Cáceres (2010), Giraldo (2007), Patriota (2005), Dolle (2011). Desse modo, Jim configura-se como um personagem em busca do aniquilamento, da morte, para livrar-se de seu sofrimento.

Palavras-chave


Roberto Bolaño; Aniquilamento; Metaliteratura; Literatura chilena.

Texto completo:

PDF

Referências


BOLAÑO, Roberto. Jim. In: BOLAÑO, Roberto. El gaucho insufrible. 6. ed. Barcelona: Editorial Anagrama S. A., 2012, p. 11-14.

BOLAÑO, Roberto & PORTA, A. G. Consejos de un discípulo de Morrison a un fanático de Joyce seguido de Diario de bar. Barcelona: Acantilado, 2006.

CANDIA CÁCERES, Alexis. Todos los males el mal. La “Estética de la Aniquilación” en la narrativa de Roberto Bolaño. Revista Chilena de Literatura. Número 76, p. 43-70, abr. 2010.

DOLLE, Vera. Fantasías urbanas: México D. F. por Rafael Ramíres Heredia (La jaula de Dios), Guillermo Fadanelli (La otra cara de Rock Hudson) y Roberto Bolaño (“Jim”). iMex. México Interdisciplinario. Interdisciplinary iMex, año I, n. I, invierno/winter 2011, p. 127-141.

FELIPPE, Renata Farias de. O melodrama queer em Roberto Bolaño – notas sobre a mobilidade e a mobilização de afetos. IPOTESI, Juiz de Fora, v. 18, p. 73-82, jan./jun. 2014.

GIRALDO, Rafael Eduardo Gutiérrez. Romances híbridos e crítica ficcional na narrativa contemporânea latino-americana: o caso de Roberto Bolaño. Gragoatá. Niterói, n. 22, p. 179-190, 1. sem. 2007.

LEITE, Ligia Chiappini Moraes. O foco narrativo (ou a polêmica em torno da ilusão). São Paulo: Ática, 1985.

PATRIOTA, Rosangela. História – performance – poesia: Jim Morrison, o xamã da década de 1960. Fênix - Revista de História e Estudos Culturais, v. 2, ano II, n. 3, julho/agosto/setembro de 2005, p. 1-15. Disponível em: http://www.revistafenix.pro.br/artigos.php Acesso em: 24 fev. 2018.

XERXENESKY, Antônio Carlos Silveira. A literatura rumo a si mesma: Roberto Bolaño e Enrique Vila-Matas. Dissertação (Mestrado em Letras), Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Estação Literária
Londrina/ PR
ISSN: 1983-1048
E-mail: estacaoliteraria@uel.br