Deciolizem lagartixas ao sol: Décio de Almeida Prado e a crítica teatral de "Clima" (1941-1944).

Bárbara Luisa Fernandes Pires

Resumo


O artigo visa explorar o surgimento de uma nova crítica de cultura, em sintonia com as mudanças da vida intelectual nacional, que teve como palco a cidade de São Paulo, em meados do século XX, e cuja a atuação de  Decio de Almeida Prado, no âmbito da crítica teatral, teve papel de destaque. busca-se apresentar os primeiros anos da formação do autor a partir dos seus escritos na revista Clima entre os anos de 1941 e 1944. A partir da análise de seus ensaios no primeiro período de sua carreira e do início de sua especialização como crítico teatral, o artigo debaterá a relação entre a proposição do ensaísmo crítico e a realidade da produção cultural brasileira, particularmente a teatral,  na relação que faz entre texto e contexto.

Palavras-chave


Decio de Almeida Prado; Revista Clima; Crítica teatral; Teatro moderno brasileiro.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, Mário de. “Lira Paulistana” In. Mário de Andrade Poesia Completa - Edição Crítica de Diléa Zanotto. São Paulo: Itatiaia/Edusp. 1987.

ANDRADE, Oswald de. Ponta de Lança. São Paulo, Ed. Globo, 1991.

ARRUDA, Maria Arminda do N. Metrópole e Cultura: São Paulo no meio do século XX. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2015.

BERNSTEIN, Ana. A crítica cúmplice: Decio de Almeida Prado e a formação do teatro moderno brasileiro. São Paulo: Instituto Moreira Salles, 2005.

CANDIDO, Antonio; MELLO E SOUZA, Gilda de. “A lembrança que guardo de Mário” In. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros. nº 36, 1994, p.9-25.

CANDIDO, Antonio. “A Revolução de 1930 e a cultura”. Novos Estudos CEBRAP. São Paulo, v. 2, n° 4, abril, 1984.

______. “A partir de Clima” In: Homenagem a Decio de Almeida Prado. São Paulo: João Scortecci Editora, 1995.

______. Literatura e cultura de 1900 a 1945. In: Literatura e sociedade. Rio de Janeiro: Ouro sobre Azul, 2011.

DÓRIA, Gustavo. Moderno teatro brasileiro: crônica de suas raízes. Rio de Janeiro: Serviço Nacional de Teatro, 1975.

MAGALDI, Sábato. “Um crítico à frente do teatro brasileiro”In: FARIA, João Roberto; ARÊAS, Vilma Sant'Anna; AGUIAR, Flávio. Decio de Almeida Prado: Um homem de teatro. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1997.

MELLO E SOUZA, Gilda de. Exercícios de Leitura Exercícios. 2a ed., São Paulo, Duas Cidades; Ed. 34, 2009.

______. “Entrevista a Walnice Nogueira Galvão”. In: GALVÃO, Walnice (org). A palavra afiada. Rio de Janeiro: Ouro sobre Azul, 2014.

PRADO, Decio de Almeida. “O teatro de Louis Jouvet em São Paulo”. In: Revista Clima. São Paulo, nº3, ago. 1941. pp.93-101.

______. “Ainda Louis Jouvet”. In: Revista Clima. São Paulo, nº 4, set. 1941. pp. 102-105.

______. “O homem que veio jantar”. In: Revista Clima. São Paulo, nº 4, set. 1941. pp. 105-109.

______. “O teatro em São Paulo”. In: Revista Clima. São Paulo, nº 9, abr. 1942. pp. 110-115.

______. “Que família…” In: Revista Clima. São Paulo, nº10, jun. 1942. pp. 99-104.

______. “Os comediantes em São Paulo”. In: Revista Clima. São Paulo, n°13, ago. 1944. pp. 83-86.

______. “Teatro francês no Municipal”. In: Revista Clima. São Paulo, n°13, ago. 1944. pp. 86-9.

______. “A convenção no teatro moderno II”. In. Revista Clima São Paulo. nº15, out. 1944. pp. 61-5;

______. Apresentação do Teatro Brasileiro Moderno. São Paulo: Martins, 1956.

______. O teatro brasileiro moderno: 1930-1980. São Paulo: Perspectiva/Edusp, 1988.

______. Saudades de Lévi-Strauss. Folha de S. Paulo, São Paulo, 12 abr. 1996. Disponível em: Acesso em: 23 jan. 2018.

PONTES, Heloisa. Destinos mistos: os críticos do grupo Clima em São Paulo (1940-68). São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

______. Louis Jouvet e o nascimento da crítica e do teatro moderno brasileiros. Novos Estudos. CEBRAP, São Paulo, n.58, p. 113-129, 2000.

SCHWARZ, Roberto. “A carroça, o bonde e o poeta modernista” Que horas são? – Ensaios, São Paulo, Companhia das Letras, 1987.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Estação Literária
Londrina/ PR
ISSN: 1983-1048
E-mail: estacaoliteraria@uel.br