Chacal e Cacaso: Intertextualidades, paródias e apropriações literárias

Danieli dos Santos Pimentel

Resumo


O artigo pretende analisar como a intertextualidade, a paródia e a apropriação foram articuladas na produção literária da poesia marginal da década de 70, sobretudo, nos poemas de autores marginais como Chacal e Cacaso. Busca-se analisar essa produção a partir da literatura comparada, com o objetivo de confrontar a produção de ambos os poetas com autores da tradição literária do Modernismo brasileiro. Os principais teóricos escolhidos para essa análise são: Kristeva (1974), Carvalhal (2003) e Hutcheon (2005).


Palavras-chave


Poesia marginal; Intertextualidade; Paródia; Apropriação.

Texto completo:

PDF

Referências


BRITO, Antonio Carlos Ferreira de. Não quero prosa. São Paulo: UNICAMP & UERJ,1997.

CAMPEDELLI, Samira Youssef. Poesia Marginal dos Anos 70. São Paulo: Scipione, 1995.

CARVALHAL, Tania Franco. Literatura comparada. São Paulo: Ática, 2001.

COMPAGNON, Antoine. O trabalho da citação. Tradução: Cleonice P. B. Belo Horizonte: UFMG, 1996.

________. O demônio da teoria. Tradução: Cleonice P. B. Mourão; Consuelo Fortes Santiago. Belo Horizonte: UFMG, 2006.

CULLER, Jonathan. Teoria Literária: uma introdução. Tradução: Sandra Vasconcelos. São Paulo: Beca, 1999.

GENETTE, Gerárd. Palimpsestos: a literatura de segunda mão. Tradução: Luciene Guimarães; Maria Antônia Ramos Coutinho. Belo Horizontes: UFMG, 2006.

HUTCHEON, Linda. Uma teoria da paródia: ensinamentos das formas de arte do século XX. Tradução: Teresa Louro Pérez. Rio de Janeiro: Edições 70, 1985.

KRISTEVA, Julia. Introdução à Semanálise. Tradução: Lúcia Helena Ferraz. São Paulo: Perspectiva, 1974.

JOSEF, Bella. A máscara e o enigma: a modernidade da representação à transgressão. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1986.

SANTA’NNA, Affonso Romano de. Paródia, paráfrase & Cia. São Paulo: Ática, 1985.

SANTIAGO, Silviano. Uma literatura nos trópicos: ensaio sobre dependência cultural. São Paulo: Perspectiva, 1978.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Estação Literária
Londrina/ PR
ISSN: 1983-1048
E-mail: estacaoliteraria@uel.br