A singularização como procedimento em Viagens de Gulliver

Wilson Filho Ribeiro de Almeida

Resumo


Este ensaio traz algumas considerações a respeito da teoria da singularização como procedimento artístico, desenvolvida por Viktor Chklovski, e analisa, por meio dessa teoria, o livro Viagens de Gulliver, publicado em 1726, do autor inglês Jonathan Swift.


Palavras-chave


Jonathan Swift; Singularização; Estranhamento; Viagens de Gulliver.

Texto completo:

PDF

Referências


CHKLOVSKI, Viktor. A Arte como Procedimento. In.: EIKHENBAUM, B. Teoria da Literatura: Formalistas Russos. 4. ed. Porto Alegre: Globo, 1978.

GINZBURG, Carlo. Estranhamento – Pré-história de um procedimento literário. In: ______. Olhos de madeira: nove reflexões sobre a distância. São Paulo: Companhia das Letras, 2001.

LEITE, Ligia Chiappini Moraes. O Foco Narrativo. 3. ed. São Paulo: Ática, 1987.

SCHOLES, Robert; KELLOGG, Robert. A Natureza da Narrativa. McGraw Hill do Brasil: 1977.

SWIFT, Jonathan. Viagens de Gulliver. Trad. Octávio Mendes Cajado. Rio de Janeiro: Globo, 1987.

WÖLFFLIN, Heinrich. Conceitos fundamentais da História da Arte. 2. ed. Trad. João Azenha Jr. São Paulo: Martins Fontes, 1989.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Estação Literária
Londrina/ PR
ISSN: 1983-1048
E-mail: estacaoliteraria@uel.br