Conceitos de sequência didática subjacentes a uma proposta de ensino de artigo de opinião pautada na prática de análise linguística

Larissa Gabrielle Lucena Gonsalves, Denise Lino de Araújo

Resumo


O presente artigo tem como objetivo principal analisar uma sequência didática (SD) desenvolvida para o ensino de produção textual do gênero artigo de opinião para alunos do Ensino Fundamental II (9° ano), que adotou a prática de análise linguística como perspectiva metodológica de ensino. Assim, as aulas tinham como foco principal a prática de análise linguística no desenvolvimento da progressão temática textual das produções dos alunos. Para tanto, além de atividades de reescrita do gênero artigo de opinião (tanto coletiva quanto individual), também foram desenvolvidas atividades que abordaram a temática dos textos, bem como o encadeamento textual através do uso dos operadores argumentativos. Observamos como a sequência foi executada, que concepção de SD subjaz à sequência analisada e se, de fato, esse modelo segue as prescrições teóricas sobre esse assunto, relacionando as noções de SD e modelização didática de Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004) com a sequência já desenvolvida e concretizada. Analisamos, dessa forma, se seguimos o modelo de SD de Genebra (Dolz, Noverraz e Schneuwly, 2004) e se houve adaptações, verificando se as atividades propostas pela SD favoreceram o ensino de um gênero argumentativo. Os resultados apontam mudanças em relação ao conceito tradicional de sequência didática apresentado pelo grupo de Genebra.

Palavras-chave


Sequência didática; modelização didática; ensino de escrita.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1519-5392.2016v16n2p29



Revista Entretextos

Pós-Graduação em Estudos da Linguagem

Universidade Estadual de Londrina

Londrina - PR

ISSN: 1519-5392

 

Email:

entretextos@uel.br


 

 Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional