Uma experiência de mediação na leitura de proposta curricular

Camila Almeida Pinheiro da Costa

Resumo


Esta pesquisa qualitativa, baseada em princípios da pesquisa-ação, teve por objetivo ainvestigação de conhecimentos necessários à apreensão das orientações teórico-metodológicasda Proposta Curricular de Santa Catarina, editada em 1998, no que se refere ao ensino da leiturae da escrita. Foi desenvolvida com uma professora de escola pública da rede estadual de ensinoem Florianópolis/SC, durante o semestre letivo de agosto a novembro de 2005. Foram realizadasentrevistas, observações em sala de aula e encontros de estudo e reflexão com a professorapesquisada. Dentre as teorias que serviram de aporte ao desenvolvimento desta investigação,destacam-se a abordagem sócio-histórica, de Vygotsky (1991), e a teoria da enunciação, deBakhtin (1981). A experiência de mediação na leitura da referida proposta curricular demonstrouque processos de interlocução freqüentes e de forma mais direta, em que o professor possarefletir sobre sua prática, de forma solidária, à medida que vai interagindo com os documentosde referência, têm efeitos mais imediatos na prática pedagógica de sala de aula, propiciandoa apreensão daqueles conhecimentos necessários aos processos de mudança. Mais do queaprender e apreender conteúdos a pesquisa, embora com limites, apontou para a importânciade um processo de formação em que as expectativas, anseios, dúvidas e questionamentosdo professor sejam o ponto de partida para o avanço do conhecimento nos processoseducacionais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1519-5392.2006v6n1p



Revista Entretextos

Pós-Graduação em Estudos da Linguagem

Universidade Estadual de Londrina

Londrina - PR

ISSN: 1519-5392

 

Email:

entretextos@uel.br


 

 Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional