A produção, o desenvolvimento e os resultados de trabalho com uma sequência didática de cartas para pen pal

Ana Paula Marques Beato-Canato

Resumo


De acordo com Bronckart e Dolz (2004, p. 39), “a finalidade geral do ensino de línguasvisa ao domínio dos gêneros, como instrumentos de adaptação e participação na vida social/comunicativa”. O trabalho com seqüências didáticas é uma tentativa de alcançar esse objetivo,buscando, para isso, trabalhar com atividades a partir de um determinado gênero textual parao desenvolvimento de capacidades de ação, discursiva e lingüístico-discursiva. Com basenesses pressupostos, uma seqüência didática com o gênero carta para pen pal foi produzidae desenvolvida com alunos de 7ª série de escola pública que iniciariam um projeto de troca decartas com alunos da cidade irmã de Joinville, Chesapeake, nos Estados Unidos. Neste artigo,o material é apresentado bem como a análise dos resultados obtidos com seu desenvolvimento,comparando a primeira carta produzida por uma aluna com a segunda carta e a carta final.Foram utilizadas dezoito aulas para o desenvolvimento da seqüência e os resultados foramgratificantes, mas é importante ressaltar que essa é apenas uma etapa inicial de um trabalhobem mais amplo de uma pesquisa de doutoramento.

Palavras-chave


gênero textual; seqüência didática; capacidades de linguagem; carta para pen pal; ensino-aprendizagem de língua estrangeira.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1519-5392.2006v6n1p



Revista Entretextos

Pós-Graduação em Estudos da Linguagem

Universidade Estadual de Londrina

Londrina - PR

ISSN: 1519-5392

 

Email:

entretextos@uel.br


 

 Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional