Análise dos fatores discriminantes do crescimento urbano dos municípios do sudoeste do Paraná no período 2000-2010

Édina Fankhauser, Cármem Ozana de Melo

Resumo


Esta pesquisa propôs-se a analisar os motivos pelos quais alguns municípios da região sudoeste do Paraná apresentaram crescimento populacional, sendo mais dinâmicos, e outros tiveram taxas negativas de crescimento populacional. Logo, busca-se determinar os fatores que diferenciam os municípios com crescimento daqueles com crescimento negativo, a partir de características socioeconômicas, considerando dois períodos distintos – 2000 e 2010. Esta análise foi feita a partir da Análise Discriminante, dividindo os 42 municípios da região sudoeste em três grupos: dinâmicos (grupo 1), estáveis (grupo 2) e deprimidos (grupo 3). Foram determinadas oito variáveis selecionadas a partir de dados secundários obtidos através do IPARDES. Os resultados da pesquisa demostram que a discriminação entre os municípios ocorre por conta da concentração populacional (densidade demográfica) e o grau de industrialização. Ambos os fatores podem se tornar atrativos para novos habitantes que estão em busca de melhores condições de vida, melhores oportunidades de trabalho, aumento de renda e educação, ou seja, em busca de uma qualidade de vida melhor.

Palavras-chave


Análise discriminante; Crescimento urbano; População urbana; Urbanização.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-627X.2019v7n1p63

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Economia e Região
E-ISSN: 2317-627X
DOI: 10.5433/2317-627X

Contato: 55-43-3371-4255
E-mail: rer@uel.br