A não religiosidade ao longo do Brasil: sua evolução e seus determinantes

Lisana de Oliveira, Augusta Pelinski Raiher

Resumo


O objetivo deste artigo é o de investigar a associação existente entre a não religiosidade e o dinamismo econômico dos municípios brasileiros em 2000 e 2010, mensurando o percentual da população de cada município sem religiosidade e sua distribuição espacial, além de verificar a existência ou não de correlação entre a não religiosidade e a renda per capita. Para a obtenção dos resultados, utilizou-se dados do Censo Demográfico de 2000 e de 2010, referentes ao percentual da população sem religiosidade, renda média e nível de escolaridade para todos os municípios brasileiros. Na investigação acerca dos efeitos existentes, estimou-se modelos econométricos espaciais. Os resultados mostram que a não religiosidade aumentou ao longo dos anos, identificando que quanto maior a renda média dos municípios brasileiros, maior é seu nível de não religiosidade.

 

ABSTRACT

 

The objective of this article is to investigate the association between non - religiosity and the economic dynamism of Brazilian municipalities in 2000 and 2010, measuring the percentage of the population of each municipality without religiosity and its spatial distribution, besides verifying the existence or Not of correlation between non-religiosity and per capita income. To obtain the results, we used data from the Demographic Census of 2000 and 2010, referring to the percentage of the population without religion, average income and level of education for all Brazilian municipalities. In the investigation of the existing effects, spatial econometric models were estimated. The results show that non-religiosity has increased over the years, identifying that the higher the average income of Brazilian municipalities, the higher is their level of non-religiosity.

 

Keywords: No Religion; Economic dynamism; Secularization.


Palavras-chave


Sem Religião; Dinamismo Econômico; Secularizaçã

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, E. Econometria Espacial Aplicada – 1 ed. Campinas, SP: Editora Alínea, 2012.

ALVES, J. E. D.; BARROS, L. F. W.; CAVENAGHI, S. A dinâmica das filiações religiosas no Brasil entre 2000 e 2010: diversificação e processo de mudança de hegemonia - Trabalho apresentado no XVIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais, ABEP, realizado em Águas de Lindóia/SP –Brasil, de 19 a 23 de novembro de 2012;

BARRO, R. J.; MCCLEARY R.M. Religion and Economic Growth. NBER Working Paper No. 9682 - May 2003 - JEL No. O1, O4, Z1 - - 2003.

BARROS, R. P. de; FOGUEL, M. N.; ULYSSEA, G. (Org.) Desigualdade de renda no Brasil: uma análise da queda recente – Brasília: Ipea, 2 v. 552 p., 2007. Disponível em

ALMEIDA, E. Econometria Espacial Aplicada – 1 ed. Campinas, SP: Editora Alínea, 2012.

ALVES, J. E. D.; BARROS, L. F. W.; CAVENAGHI, S. A dinâmica das filiações religiosas no Brasil entre 2000 e 2010: diversificação e processo de mudança de hegemonia - Trabalho apresentado no XVIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais, ABEP, realizado em Águas de Lindóia/SP –Brasil, de 19 a 23 de novembro de 2012;

BARRO, R. J.; MCCLEARY R.M. Religion and Economic Growth. NBER Working Paper No. 9682 - May 2003 - JEL No. O1, O4, Z1 - - 2003.

BARRO, R. J.; MCCLEARY, R. M. Religion and Economy - Journal of Economic Perspectives - Volume 20, Number 2 - Spring 2006 - Pages 49 –72.

BARROS, R. P. de; FOGUEL, M. N.; ULYSSEA, G. (Org.) Desigualdade de renda no Brasil: uma análise da queda recente – Brasília: Ipea, 2 v. 552 p., 2007. Disponível em

BECKER, G. S. (1964) Human Capital: a theoretical and empirical analysis with special reference to education. National Bureau of Economic Research (NBER), Nova Iorque.

CORREIA, R. Z. Reflexões sobre economia e religião: seus principais pensadores e a igreja católica brasileira. 2003. 81p. Dissertação (mestrado) – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Piracicaba.

CACP.O Ateísmo, a lógica e a razão. Disponível em Acesso em: 23 ago. 2016.

DURKHEIM, E.. Religião e conhecimento. In: RODRIGUES, José Albertino (Org.). Durkheim. Coleção Grandes Cientistas Sociais. São Paulo: Ática, 2010. p. 147-203. ESTADÃO. RS lidera várias estatísticas das análises religiosas do Censo do IBGE de 2010. Disponível em Acesso em: 2 nov. 2016.

FANFANI, A. Catolicismo y protestantismo em la genesis del capitalismo. Madrid: Rialp, 1953.

GUISO, L., SAPIENZA, P. e ZINGALES, L. People´s Opium? Religion and Economic Attitudes. CEPR Discussion Papers, 3588, C.E.P.R, 2002. IANNACCONE, L. R. Introduction to the economics of religion. Journal of Economic Literature, Vol. XXXVI (September 1998)

IANNACCONE, L.R. Looking backward: a cross – national study of religious trends. Cambridge: Harvard University, 2002.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo 2010. acesso em 2015.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo 2000. acesso em 2015.

IBGE Cidades. Disponível em . Acesso em: 08 nov. 2016.

IBGE Cidades. Disponível em . Acesso em: 08 nov. 2016.

IBGE Cidades. Disponível em < http://cidades.ibge.gov.br/painel/historico.php?lang=&codmun=292275>. Acesso em: 08 nov. 2016.

IBGE Cidades. Disponível em < http://cidades.ibge.gov.br/painel/historico.php?lang=&codmun=221010&search=piaui|sao-jose-do-peixe|infograficos:-historico>. Acesso em: 08 nov. 2016

IPEA – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. Ipeadata – PIB. < http://www.ipeadata.gov.br/> acesso em 2015.

LESAGE, J.; PACE, R. K. Introduction to spatial econometrics. Boca Raton: CRC Press, 2009.

MURTA, S. R.; ARAUJO JR., A. F de; SHIKIDA, C. D. Religião e criminalidade no Brasil: primeiras evidências sob enfoque econômico - Textos de Economia, Florianópolis, v.11, n.2, p.90-107, jul./dez. 2008.

NERI, M. C. Economia das Religiões – Rio de Janeiro, FGV/IBRE, CPS, 2007 51p.

NERI, M. C. Desigualdade de renda na década. FGV/CPS, 149 p., 2011. Disponível em

NERI, M. C.; MELO, L. C. C de. Novo mapa das religiões. Horizonte, Belo Horizonte, v. 9, n. 23, p. 637-673, out./dez. 2011.

NORTH, D.. Institutions, Institutional Change and Economic performance, Cambridge University Press, Cambridge, 1991.

LAZZARO, J. G. S. Religião e economia: o que dizem os economistas desde Weber. Disponível em Acesso em: 28 out. 2016.

OLIVEIRA, L. L. S. Ensaios sobre economia da religião e torneios de promoção em organizações religiosas. 2009, 418f. Tese (Doutorado em Economia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

OLIVEIRA, L. L. S.; CORTES, R. X.; BALBINOTTO NETO, G. A Economia da Religião e seus fundamentos: Teste de um modelo de escolha religiosa - Estudos Econômicos 41(4) outubro/dezembro de 2011

PIERUCCI, A. F. Secularização em Max Weber da contemporânea serventia de voltarmos a acessar aquele velho sentido - Revista Brasileira de Ciências Sociais - Vol. 13 Nº37 – SP 1998.

PILGER, Calíope. Estudo correlacional entre bem-estar espiritual, religiosidade, enfrentamento religioso e espiritual e qualidade de vida de idosos em tratamento hemodialítico - Ribeirão Preto, 2015, 159f. Tese (Doutorado em Enfermagem Fundamental) – Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2015.

PONDÉ, L. F. Religião como commodity: condições de possibilidade e cases de sucesso - Revista Brasileira De Filosofia Da Religião / Brasília / V. 3 N.1 /P. 56-65 /Ago. 2016 / ISSN 2352-8284

RANQUETAT JÚNIOR, César A. Laicidade, laicismo e secularização: definindo e esclarecendo conceitos. Tempo da ciência, v. 15, n. 30, p. 59-72, 2008.

ROBERTSON, H.M. Aspects of the rise of economic individualismo a criticismo of Max Weber and his school. New York: Kelley, 1959, 223 p.

Samuelsson, K.. Religion and Economic Action: A critique of Max Weber,(translated from the Swedish by E. Geeffrey French and edited and with an introduction by D.C. Coleman), New York: Harper Torchbooks, 1961.

SOMBAST, W. The jews and modern capitalism. Illinois: The Free Press, 1951.

SCHEEFFER, F. Teoria da Escolha Racional: A evidenciação do homo economicus? - Em Tese, Florianópolis, v. 10, n. 1, jan./jun., 2013.

STARK, C; IANNACCONE, L R.; FINKE, R. Religion, Science and Rationality. The American Economic Review, v.86, n.2, p.433-437, 1996.

TEIXEIRA, F.; MENEZES, R. (Org.). Religiões em movimento: o Censo de 2010 - Petropolis, RJ: Vozes, 2013.

Thomas. Riten als Bewältigung lebensweltlicher Grenzen. Schweizerische Zeitschrift für Soziologie, vol. 11, n. 3, 1985, p. 545.

WEBER, M. A ética protestante e o espírito do capitalismo. 2ª Edição Revista. Editora: Pioneira. 2004

YWATA, A. X. C.; ALBUQUERQUE, P. H. M. - Métodos e modelos em econometria espacial. uma revisão - Rev. Bras. Biom., São Paulo, v.29, n.2, p.273-306, 2011.

ZUCKERMAN, P. Living the secular life: New answers to old questions. New York: Penguin, 2014.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-627X.2017v5n2p103

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Economia e Região
E-ISSN: 2317-627X
DOI: 10.5433/2317-627X

Contato: 55-43-3371-4255
E-mail: rer@uel.br