Cadeias Globais de Valor: Uma análise do efeito transbordamento da indústria automobilística brasileira para os anos de 2000 e 2014

Gustavo Henrique Leite de Castro, Renan Henrique Luquini, Márcia Regina Gabardo Camara, Umberto Antonio Sesso Filho, Paulo Rogério Alves Brene

Resumo


O objetivo deste trabalho é mapear, analisar e comparar os multiplicadores de produção e o efeito transbordamento relacionados ao setor de fabricação de veículos motorizados, trailers e semi-trailers para 43 países mais o resto do mundo - com foco no Brasil - para os anos de 2000 e 2014. Para tanto, foi realizado uma discussão teórica e empírica que contempla as teorias sobre as Cadeias Globais de Valor e uma retrospectiva da indústria automobilística brasileira. O trabalho utilizou a análise de insumo-produto mundial para estimar os multiplicadores de produção com base nos dados disponíveis na WIOD (2017). Como principal resultado a pesquisa aponta um aumento dos multiplicadores de produção global, ocorrendo o mesmo para este setor no Brasil. Outro resultado importante foi a diminuição do efeito transbordamento para o Brasil indo na contramão do efeito global, ou seja, este setor que é apoiado pelo Estado e diminuiu sua dependência externa. 


Palavras-chave


Indústria automobilística; Cadeias Globais de Valor; Insumo-Produto; Efeito Transbordamento.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-627X.2017v5n1p149

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Economia e Região
E-ISSN: 2317-627X
DOI: 10.5433/2317-627X

Contato: 55-43-3371-4255
E-mail: rer@uel.br