Cadeia de suprimentos de perecíveis: como restaurantes selecionam e se relacionam com fornecedores de hortaliças

Gessuir Pigatto

Resumo


O aumento da alimentação fora do domicilio possibilitou um aumento das receitas dos estabelecimentos que oferecem serviço de alimentação, porém elevou as exigências pela aquisição de insumos de qualidade. Este artigo tem como objetivo analisar a cadeia de suprimentos de perecíveis utilizada pelas empresas no setor de serviço de alimentação, especificamente as ações utilizadas por pequenos restaurantes comerciais para a tomada de decisão no processo de aquisição de hortaliças. Foram objeto de análise, restaurantes localizados em municípios da região noroeste do Estado de São Paulo localizados a mais de 600 km do principal centro de fornecimento de hortaliças do país (CEAGESP). Optou-se, por uma pesquisa de campo, com coleta de dados por questionários semiestruturados, aplicados na forma de entrevista pessoal, com análise qualitativa dos dados. Apesar da proximidade, a relação comercial entre os restaurantes e seus fornecedores apresentou características que se posicionaram mais próximas do mercado concorrencial do que colaborativo

Palavras-chave


Serviço de alimentação; Restaurantes Comerciais; Cadeia de Suprimentos; Relacionamento Colaborativo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-627X.2017v5n1p7

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Economia e Região
E-ISSN: 2317-627X
DOI: 10.5433/2317-627X

Contato: 55-43-3371-4255
E-mail: rer@uel.br