Desenvolvimento humano do estado do Ceará: uma análise territorial a partir do IDHM

Denis Fernandes Alves, Antonio Bruno Fernandes Marcelino, Francisco do O’ de Lima Júnior, Joseney Rodrigues de Queiroz Dantas

Resumo


O trabalho objetiva analisar o desenvolvimento do estado do Ceará, por meio de uma abordagem que explora a evolução do IDHM. Utilizou-se de metodologia descritiva exploratória pautando-se em dados secundários de órgãos oficiais (IBGE; IPECE). O índice demonstra um elevado avanço nos quesitos de renda, educação e longevidade – sendo os dois últimos de maior destaque e a educação de maior transformação. Houve um avanço em todo o estado, destacando-se o conjunto de municípios polarizadores de territórios mais dinâmicos bem como os da Região Metropolitana de Fortaleza. Revelou-se que mesmo assim, não foi possível superar o quadro de disparidades existentes, sendo necessários outras formulações objetivando áreas estagnadas do estado.

 

ABSTRACT

 

The work aims to analyze the development of the state of Ceará, through an approach that explores the evolution of IDHM. We used descriptive exploratory methodology basing on secondary data from official agencies (IBGE; IPECE). The index shows a high improvement in the income questions, education and longevity - the latter two most prominent and education major transformation. There was a breakthrough throughout the state, especially the set of polarizers municipalities of the most dynamic areas as well as the Metropolitan Region of Fortaleza. These municipalities were the main target of economic internalization guided in the agribusiness-industry-tourism tripod. It was revealed that even then, it was not possible to overcome the disparities framework, requiring other formulations aiming stagnant areas of the state.

 Keywords: Human development; IDHM; Ceará; Territory.

Palavras-chave


Desenvolvimento Humano; IDHM, Ceará, Território.

Texto completo:

PDF

Referências


ARAÚJO, T. B. A “questão regional” e a “questão nordestina”. In: TAVARES, M. da C. (org.). Celso Furtado e o Brasil. São Paulo: Editora Fund. Perseu Abramo. 2001.

ALMEIDA, H. M. Práticas espaciais, gestão seletiva e o desenvolvimento territorial no Ceará. In: XV Encontro de Ciências Sociais do Norte e Nordeste Pré-Alas Brasil. UFPI, Teresina-PI. 2012.

ATLAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO NO BRASIL. Desenvolvimento Humano, IDH E IDHM. 2013. Disponível em: . Acesso em: 06 de nov. 2016.

BARBOSA, M. N. F. A evolução do emprego industrial formal nas cidades médias do estado do Ceará (Crato, Juazeiro do Norte e Sobral) no período de 1990 a 2010. Natal, RN: Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN, PPGECO, Natal, 113p. 2013.

BARBOSA, D. P. Visões do desenvolvimento: as perspectivas de Celso Furtado e Douglass North sobre o desenvolvimento econômico. (Dissertação submetida ao curso de Mestrado em Desenvolvimento Econômico da Universidade Federal do Paraná), Curitiba. 2009.

BRESSER-PEREIRA, L. C. Crescimento e desenvolvimento econômico. Rio de Janeiro: Fundação Getulio Vargas. 2008.

BONENTE, B. I.; ALMEIDA FILHO, N. Há uma nova Economia do Desenvolvimento? Revista de Economia, v. 34, n. 1. 2008.

BUSSONS, Aline Maria Freitas. A deriva de sentidos de “Terra da luz” no pós-governo mudancista: uma análise do vídeo Ceará, terra da luz. RUA, v. 20, n. 1. p. 50-64. 2015.

CARNEIRO, Diego; IRFFI, Guilherme. Coordenação Interfederativa no Incentivo à Educação: O Caso do Estado do Ceará. In: XII Encontro Economia do Ceará em Debate. Fortaleza/CE. 2016.

DANTAS, E. W. C. Metropolização turística em região monocultura industrializada. Mercator – Revista de Geografia da UFC. Fortaleza. Volume 12. Número Especial (2). p. 65-684. Set. 2013.

DAWALIBI, Nathaly Wehbe et al. Envelhecimento e qualidade de vida: análise da produção científica da SciELO. Estud. psicol. (Campinas) [online]. v.30, n.3, pp.393-403. 2013.

FIGUEIREDO, L.; NORONHA, K. V.; ANDRADE, M. V. Os impactos da saúde sobre o crescimento econômico na década de 90: Uma análise para os estados. Texto para discussão Nº 219. Belo Horizonte: UFMG/Cedeplar. 2003.

ELIAS, D. Desigualdade e Pobreza no Espaço Agrário Cearense. Mercator – Revista de Geografia da UFC. Fortaleza. v. 2, n. 3. 2003.

GIACOMELLI, G. S. et al. Estado e Desenvolvimento: uma discussão a partir da abordagem das capacitações de Amartya Sen. In: 1º Seminário de Jovens Pesquisadores em Economia e Desenvolvimento. PPGE&D/UFSM. Santa Maria/RS, 2013.

GIL, A. C. Didática e metodologia do ensino superior. São Paulo, Atlas. 2009.

GONDIM, L. Os “Governos das Mudanças” no Ceará: um populismo weberiano? Caxambu: ANPOCS, 1995.

GOTLIEB, G. Teoria psicobiológica desenvolvimento. Em RB Cairns, GH Elder & EJ Costello (Orgs.), A ciência do Desenvolvimento. New York: Cambridge University. p. 63-77. 1996.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas Informações e Estatísticas. 2016. Disponível em: . Acesso em: 09 de nov. 2016.

IPECE. Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará. Ceará em Mapas. 2015. Disponível em: . Acesso em: 09 de nov. 2015.

_____________. INFORME nº. 64. 2013. Disponível em: . Acesso em: 06 de nov. 2016.

LIMA JÚNIOR, F. O. de. Estrutura produtiva e rede urbana no estado do Ceará durante o período de 1980-2010. Campinas. SP: Instituto de Economia da UNICAMP (Tese de Doutorado). 264p. 2014.

MENEZES FILHO, N. A; AMARAL, L. F. L. E. A Relação entre Gastos Educacionais e Desempenho Escolar. Insper Working Papers, Insper Instituto de Ensino e Pesquisa. 2009.

MONTEIRO, J. Gasto Público em Educação e Desempenho Escolar. Revista Brasileira de Economia, v. 69, n. 4: 467–488. 2015.

NUNES, Erivelton de Souza; SOUSA, Eliane Pinheiro de. Análise da Eficiência no Gerenciamento Público com a Saúde para os Municípios Cearenses. In: XII Encontro Economia do Ceará em Debate. Fortaleza/CE. 2016.

OLIVEIRA, G. B. Uma discussão sobre o conceito de desenvolvimento. Revista da FAE, Curitiba, v.5, n.2. p. 37-48, maio/ago. 2002.

PEREIRA JÚNIOR, E. Território e Economia Política: uma abordagem a partir do novo processo de industrialização do Ceará. São Paulo: Cultura Acadêmica. 2012.

PONTES, D. O.; et al. Crescimento econômico e desigualdade de renda no Ceará. In: Encontro Economia do Ceará em Debate. 2009. Disponível em: . Acesso em: 09 de nov. 2016.

PRODANOV, Cleber Cristiano; FREITAS, Ernani Cesar. Metodologia do Trabalho Científico: Métodos e Técnicas da Pesquisa e do Trabalho Acadêmico. 2ª Edição. Editora Feevale. 2013.

RUFINO, M. B. C. Desenvolvimento Industrial e Organização Espacial: Algumas Considerações Sobre a Região Metropolitana de Fortaleza. In: XIII Encontro da ANPUR. Florianópolis/SC. 2009.

SEN, A. Development: Which Way Now? The Economic Journal, v. 93, n. 372. p. 745-762. 1983.

SIFUENTES, T. R.; DESSEN, M. A.; OLIVEIRA, M. C. S. L. Desenvolvimento humano: desafios para a compreensão das trajetórias probabilísticas. Psic.: Teor. e Pesq. [online]. v.23, n.4, p.379-385. 2007.

SILVA, F. L. G. Análise da eficiência técnica dos gastos públicos com saúde no estado do Ceará. 2010. 55f. Dissertação (Mestrado Profissional) - Programa de Pós-Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza – CE. 2010.

SOUSA, F. J. P. Transformações Políticas e Institucionais no Ceará: repercussões nas finanças públicas do estado. Rev. Econ. do Nordeste. Fortaleza, v. 38, n. 4, out-dez. 2007.

SOUZA, Simone. História do Ceará. Fortaleza: Fundação Demócrito Rocha, 416 p. 1994.

VALSINER, J. Além das representações sociais: uma teoria da capacitação. Representações Sociais, v.12, n.7. p. 1-16. 2003.

VECCHIA, R. D.; RUIZ, T.; BOCCHI, S. C. M.; CORRENTE, J. E. Qualidade de vida na terceira idade: um conceito subjetivo. Rev. bras. epidemiol. [online], vol.8, n.3, p.246-252. 2005.

VIEIRA, S. L.; ALBUQUERQUE, M. G. M. Política e planejamento educacional. 2ª Ed. Fortaleza, CE, Edições Demócrito Rocha. 136p. 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-627X.2017v5n2p23

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Economia e Região
E-ISSN: 2317-627X
DOI: 10.5433/2317-627X

Contato: 55-43-3371-4255
E-mail: rer@uel.br