Análise de eficiência dos gastos públicos com educação no ensino fundamental no estado do Paraná

Mayá Patricia Gemelli Savian, Fernanda Mendes Bezerra

Resumo


Este artigo tem como objetivo avaliar a eficiência dos gastos públicos com a educação nas séries iniciais do ensino fundamental nos municípios do Estado do Paraná, nos anos de 2005 e 2009, através da aplicação da técnica Análise Envoltória de Dados (DEA). Os municípios foram classificados quanto à eficiência dos gastos em educação fundamental, e foi possível realizar comparações entre os municípios e mesorregiões. Os resultados sugerem que na maioria dos municípios paranaenses os gastos públicos com educação se mostraram ineficientes, o que demonstra a necessidade de revisão, por parte da administração pública, dos meios de alocação dos recursos.

This article aims to evaluate the efficiency of public spending on education in the early grades of elementary school districts in the State of Paraná, in 2005 and 2009, through the application of technical Data Envelopment Analysis (DEA). Cities were classified as to the efficiency of spending on primary education, and it was possible to make comparisons between the municipalities and mesorregion. The results suggest that in most municipalities of Paraná public spending on education are inefficient, which demonstrates the need for review by the public administration means of allocating resources.

 

Key Words: Efficiency, Public Spending, Education


Palavras-chave


Eficiência. Gastos Públicos. Educação.

Texto completo:

PDF

Referências


AVELLAR, J. V. G. de. et al. Modelos DEA com variáveis limitadas ou soma constante. Pesquisa Operacional, v.25, n.1, p.135-150, Jan-Abr de 2005.

ARERALO, L. R. G. et. al. Passando a limpo o financiamento da educação nacional: algumas considerações. Revista ADUSP, Abril de 2004.

ARVATE, Paulo; BIDERMAN, Ciro. Economia do setor público no Brasil. 3. reimpressão. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

BARROS, R. P. de; MENDONÇA, R. Investimentos em Educação e Desenvolvimento Econômico. Texto para discussão nº 525. IPEA – Rio de Janeiro, novembro de 1997.

BARROS, R. P. de; HENRIQUES, R.; MENDONÇA, R. Pelo fim das décadas perdidas: Educação e Desenvolvimento Sustentado no Brasil. Texto para discussão nº 857. IPEA – Rio de Janeiro, janeiro de 2002.

BERTÊ, Ana Maria de Aveline; BORGES, Clayton Brito; BRUNET, Júlio Francisco Gregory. Qualidade do Gasto Público em Educação nas Redes Públicas Estaduais e Municipais. XIII Prêmio Tesouro Nacional, 2008.

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988. Disponível em: . Acesso em Maio de 2011.

FERNANDES, R. Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB): Metas intermediárias para a sua trajetória no Brasil, Estados, Municípios e Escolas. INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais, 2005.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A produtividade da escola improdutiva. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

IBGE – Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: . Acesso em Março de 2011.

INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Disponível em:

< http://www.inep.gov.br>. Acesso em Maio de 2011.

IPARDES – Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social. Disponível em: . Acesso em Junho de 2011.

MARINHO, A. Avaliação da eficiência técnica nos serviços de saúde dos municípios do estado do Rio de Janeiro. Texto para discussão nº 842: IPEA, Rio de Janeiro, 2001.

MELLO, J. C. C. B. S. de. et al. Curso de Análise de Envoltória de Dados. XXXVII SBPO - Simpósio Brasileiro de Pesquisa Operacional. Anais do XXXVII SBPO. Rio Grande do Sul, Setembro de 2005.

SCHULTZ, Theodore W. Investindo no Povo. Trad. Élcio Gomes de Cerqueira. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1987.

SCHWARTZMAN, Simon. Os desafios da educação no Brasil – Título do artigo. Dezembro de 2004.

SILVA, A. C. Eficiência e Equidade no Ensino Público Fundamental nos Municípios da Região Metropolitana de Salvador, Oste Baiano e Médio São Francisco – Uma Avaliação a partir de uma Função de Bem-Estar Social, IV Encontro de Economia Baiana – Set. 2008.

SILVA, A. de A. P. et al. Educação em Minas Gerais: Uma Análise de Eficiência na Alocação de Recursos Públicos – Título do Artigo. 2009.

STEWART, Thomas A. Capital Intelectual. 15ª reimpressão. Rio de Janeiro: Elsevier, 1998.

ZOGHBI, A. C. P. et.al. Mensurando o Desempenho e a Eficiência dos Gastos Estaduais em Educação Fundamental e Média. Est. Econ., São Paulo, v. 39. nº 4, p. 785-809, Outubro-Dezembro 2009.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/2317-627X.2013v1n1p26

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Economia e Região
E-ISSN: 2317-627X
DOI: 10.5433/2317-627X

Contato: 55-43-3371-4255
E-mail: rer@uel.br