Um corpo em estado de sombra: a construção do híbrido nas fotografias de Tiago Santana

Tércia Montenegro Lemos

Resumo


A análise de imagens do fotógrafo cearense Tiago Santana demonstra como sua estética elabora uma composição híbrida dos corpos humano e animal. Suas figuras em simbiose ressaltam a interdependência dos seres no espaço sertanejo, através de diversas escolhas técnicas. Neste artigo, estudamos como a sombra é utilizada enquanto elemento ficcional e transformador da alteridade em identidade, instaurando, na obra de Santana, um paradoxo visual caracterizador da fotografia artística contemporânea.

Palavras-chave


Fotografia; hibridismo; corpo; contemporaneidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-7939.2018v14n25p92

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Discursos Fotogr.

Londrina - PR

DOI: 10.5433/1984-7939

EISSN: 1984-7939

Email: revistadiscursos@uel.br




 
Esta obra está licenciada com uma licença Creative Commons Atribuição-Não comercial 4.0 Internacional.