A crise da Soberania e do Estado Moderno em uma perspectiva tridimensional

Lucas de Melo Prado

Resumo


Este artigo tem por objeto a crise da Soberania e do Estado Moderno e objetiva analisar os elementos que caracterizam esse fenômeno. Adota-se uma postura metodológica indutiva e busca-se sistematizar os aspectos relacionados com a crise da Soberania em dois momentos. Primeiramente, analisa-se a crise da Soberania Interna e sua relação com o desenvolvimento do Estado Constitucional. Em seguida, examina-se a crise da Soberania Externa e sua relação com a crise do próprio Estado Constitucional Moderno. Em ambos os momentos, utiliza-se a fórmula realeana tridimensional para identificar os elementos normativos, fáticos e axiológicos relacionados com o fenômeno estudado.


Palavras-chave


Soberania; Estado Moderno; Estado Constitucional Moderno; Crise.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1980-511X.2012v7n2p91

Direitos autorais



Rev. Dir. Publico

Londrina - PR

ISSN: 1980-511X

Email: rdpubuel@uel.br



 

 


Indexado: