Sarau e performance: a rede Londrix e estratégias de inserção do texto

Ana Cristina Pereira da Silva, Frederico Augusto Garcia Fernandes

Resumo


O artigo trata dos saraus e da performance enquanto estratégia de inserção da poesia na literatura contemporânea. O objeto de análise da pesquisa é o “Sarau Artístico e Literário de Cambé” que é um dos mais antigos saraus da região e conta com o registro de suas reuniões em atas. Através dele, objetiva-se refletir acerca do impacto que esses eventos têm na produção literária local e compreender como eles podem contribuir para a promoção do escritor e legitimação do processo artístico enquanto espaço de divulgação, por meio da performance e das redes estabelecidas. Com base nos estudos de Even-Zohar (1990), Aguilar e Cámara (2017), Leone (2014), Zumthor (2007), Tennina (2013), Silva (2008), Fernandes (2017), Hollanda (2001) e Rancière (2009), a análise das atas e das participações nos saraus propicia a constatação de que esses eventos permitem o compartilhamento de novas formas de fazer poético, colaborando para a formação e fortalecimento da literatura londrinense, a partir da rede Londrix. O estudo dos saraus contribui para que a teoria literária tome novos rumos de análise na literatura contemporânea e possibilita pensar os mecanismos de produção e circulação literária na atualidade.

 


Palavras-chave


Literatura contemporânea. Sarau. Performance. Poesia oral. Produção Literária.

Texto completo:

PDF HTML

Referências


AGUILAR, Gonzalo, CÁMARA, Mario. A máquina Performática: a literatura no campo experimental. Rio de Janeiro: Rocco, 2017.

BISSOCHI, Leonilda. Prefácio. In: PAULUK, Felipe. Meu tempo de carne e osso. 2011. Disponível em http://comidadibutequim.blogspot.com/2011/05/meu-tempo-de-carne-e-osso.html. Acesso em: 27 jul. 2019, às 10:35.

BISSOCHI, Leonilda. Entrevista [mensagem pessoal]. Mensagem recebida via whatsapp por Ana Cristina Pereira da Silva, em: 05 jun. 2019.

EVEN-ZOHAR, Itamar. Polissystem Stuidies. In: Poetics Today. International Journal for Theory and Analysis of Literature and Communication. vol.11, n.1, 1990. p.1-268

FERNANDES, Frederico. O caso Londrix: subjetividade, territorialização e política na poesia de Maurício Arruda Mendonça. Estudos de literatura brasileira contemporânea, n. 52, p. 102-121, set./dez. 2017.

HOLLANDA, Heloisa Buarque de. Esses poetas. Uma antologia dos anos 90. Rio de Janeiro: Aeroplano, 2001.

LEONE, Luciana Di. Poesia e escolhas afetivas: edição e escrita na poesia contemporânea. Rio de Janeiro: Rocco, 2014.

SARAU ARTÍSTICO E LITERÁRIO DE CAMBÉ. Ata de reunião (2003-2017). Livro 1. p. 1-100.

SARAU ARTÍSTICO E LITERÁRIO DE CAMBÉ. Ata de reunião (2017-2019). Livro 2. p. 1-13.

RANCIÈRE, Jacques. A partilha do sensível: estética e política. 2ª ed. Tradução de Mônica Costa Neto. São Paulo: EXO experimental org. Ed 34, 2009.

SILVA, Simone. As “rodas” literárias no Brasil nas décadas de 1920-30. Troca e obrigações no mundo do livro. In: Latitude – SEER/UFAL, Vol. 2, nº2, pp.182-210, 2008. Disponível em: www.seer.ufal.br/index.php/latitude/article/download/162/145. Acesso em 21 mai. 2019.

TENNINA, Lúcia. Saraus das periferias de São Paulo: poesia entre tragos, silêncios e aplausos. In: Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea, Brasília, n. 42, jul.-dez. 2013. p. 11-28. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/elbc/n42/01.pdf. Acesso em 21 mai. 2019.

ZUMTHOR, Paul. Performance, recepção e leitura. Tradução de Jerusa Pires Ferreira e Suely Fenerich. São Paulo: Cosac Naify, 2007, 128p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Boitatá
E-ISSN: 1980-4504
Universidade Estadual de Londrina
E-mail: boitata@uel.br
Telefone: (43) 33714428