O ato da percepção: do enfoque dado ao leitor na estética da recepção ao papel do ouvinte na performance da poesia oral

Raphaela Cristina Maximiano Pereira

Resumo


A proposta deste artigo de revisão é abordar questões e aspectos de alguns textos referentes à Corrente Crítica Literária denominada Estética da Recepção. Serão usadas teorias e concepções de autores como Hans Robert Jauss, Hans Ulrich Gumbrecht, Wolfgang Iser e Regina Zilberman, a fim de embasarem o enfoque dado por essa corrente crítica à relevância do leitor no processo da recepção da obra literária. Com base nesses, haverá uma abordagem acerca dos conceitos de ouvintes e performance de Paul Zumthor. Esse autor estuda, além de outros aspectos, a voz poética, ou seja, a literatura oral e os elos entre os produtores das poesias e seus receptores. Finalmente, será traçada uma comparação entre a relevância dada ao leitor, no âmbito dos estudos da Estética da Recepção, e o enfoque dado por Paul Zumthor, um dos grandes estudiosos da voz poética, aos papéis dos ouvintes e ao contexto geral do momento em que a poesia é lida. Será discutido se o papel da recepção no ato da leitura de um texto é igual à atitude do ouvinte quando em contato com a audição de um poema. Para explicar essa comparação, será imprescindível explicitar o conceito de performance, de Zumthor.


Palavras-chave


Estética da Recepção; Leitor; Ouvinte; Performance.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Boitatá
Universidade Estadual de Londrina
E-mail: boitata@uel.br
Telefone: (43) 33714428