Cárie dentária e necessidade de tratamento em uma população assistida pelo programa de saúde bucal/PSF: Um instrumento auxiliar diagnóstico no programa saúde bucal/PSF/Eldorado-Londrina-PR.

Gilberto Seium Saida, Berenice Tomoko Tatibana

Resumo


O Programa Saúde da Família procura a reorganização da assistência na saúde, de forma a possibilitar uma integração e organização de atividades dos serviços de saúde em um território definido. Para que essa estratégia se concretize é importante que a equipe conheça a realidade local, características sociais e epidemiológicas. Assim, o Programa de Saúde Bucal, inserido de forma multiprofissional ao Programa Saúde da Família, também observa estas características devendo desenvolver ações de promoção da saúde bucal, prevenção, tratamento e reabilitação dos agravos. No presente estudo nos propusemos a utilizar dados epidemiológicos bucais de uma amostra de conveniência de 141 usuários do grupo de priorizados para atendimento clínico, relacionados à cárie dentária e necessidade de tratamento da população atendida pela Equipe de Saúde Bucal/Programa Saúde da Família da Unidade Saúde da Família/Eldorado, Londrina (PR) como instrumento para contextualização da realidade epidemiológica bucal que possibilite uma visão do processo de saúde-doença bucal incentivando uma abordagem e intervenção social democrática e participante com fazeres concretos para resolver os problemas apresentados por essa população. Nossos resultados apontam uma participação maior do sexo feminino (73%), CPO-D geral de 14,6, havendo em média, três dentes cariados e dez restaurados e uma necessidade de rever o acesso ao serviço do grupo de priorizados.


Palavras-chave


Saúde bucal; Programa Saúde da Família; epidemiologia

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Biosaúde
E-ISSN: 2525-555X
Email: biosaude@uel.br