Da literatura gauchesca para as histórias em quadrinhos: Uma leitura do poema telúrico Inodoro Pereyra, el renegau

Priscila Pereira

Resumo


Neste artigo pretende-se discutir a relação entre história em quadrinhos (HQ) e literatura a partir da análise dahistorieta argentina Inodoro Pereyra, el renegau. O quadrinho foi criado pelo humorista gráfico Roberto Fontanarrosa para a revista Hortensia nos anos 1970 como uma paródia da literatura gauchesca, do radioteatro e do folclore argentinos. Além disso, a aparição de Inodoro Pereyra na imprensa cordobesa em 1972 coincide com a comemoração do centenário do poema Martín Fierro,de José Hernández. Não é por acaso, portanto, que Fontanarrosa tenha se inspirado neste clássico da literatura argentina para compor sua personagem. Contudo, Inodoro surge para ser muito mais que um espelho do Martín Fierro, ainda que para isso seu criador recorra a uma linguagem já conhecida e bastante difundida na Argentina. O presente trabalho apresenta uma leitura de alguns episódios publicados nos primeiros anos de existência da série, a partir dos diálogos entre os estudos de cultura visual, a teoria literária e a nova história política.


Palavras-chave


História da Argentina; Humor ilustrado argentino; Representação do gaucho; Inodoro Pereyra.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-3356.2012v5n9p301



Antíteses
Londrina/PR - Brasil
ISSN: 1984-3356

antiteses@uel.br

CNPQ PPG-HS DORA OJS