In via: Francisco, os franciscanos e seus lugares no mundo

Maria Angélica da Silva

Resumo


Francisco buscou a pobreza e o despojamento dos bens materiais. Mas a passagem da vida do santo para a construção da ordem franciscana propriamente dita fez com que estas metas fossem objeto de muitas contendas. Das peregrinações às sedes fixas, entre o eremitério e a cidade, serão abordados aspectos acerca da materialidade da experiência seráfica com relação à sua casa no mundo. A atenção se dará aos lugares que os franciscanos foram ocupando, focando em especial, a situação do convento no contexto urbano, tanto no que diz respeito à localização medieval, quanto aos preceitos da implantação das casas e seus atributos na vida citadina. Considerará fatos significativos que ocorrem desde o período compreendido pela vida do santo a episódios da história da Ordem no seu processo de expansão nos séculos seguintes, do contexto de Assis rumo ao mundo.

Palavras-chave


História da arquitetura e urbanismo; Arquitetura religiosa; Espaço e história; Iconografia; Cultura material.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Fortunato. História da Igreja em Portugal, v. 1 e 2. Coimbra: Imprensa Acadêmica, 1910.

AMBROSELLIE, C., et al. Ordres mendiants et urbanisation dans la France médiévale. In: Annales - economies, sociétés, civilisations, Paris: Armand Colin, março/abril de 1968.

BELO, Albertina Marques Pires. Monumentalidade da Lisboa do Século XVIII. O Real Convento de São Francisco da cidade de Lisboa. In: Revista Arquitectura Lusíada, n. 7, ISSN 1647-9009, 2015. p. 109-119.

BERQUE, Augustin, et al. Cinq propositions pour une théorie du paysage. Seyssel: Champ Vallon, 1994.

BOUGEROL, Jacques Guy. Le origini e la finalità dello studio nell´Ordine Francescano In Antonianun. Roma: Pontifici Athenaei, 1978.

BONELLI, Renato (org). Francesco D´Assisi: chiese e conventi. Milão: Electa, 1982.

BRAUNFELS, Wolfgang. Monasteries of Western Europe - the architecture of the orders, Londres: Thames and Hudson, 1993.

CALADO, Margarida. O convento de S. Francisco da Cidade, Lisboa: Faculdade de Belas Artes, 2000.

CARRATELLI, Giovanni Pugliese. Dall´eremo al cenobio – la civiltà monastica in Italia dalle origini all´età di Dante. Milão: Libri Scheiwiller, 1987.

CAUQUELIN, Anne. A invenção da paisagem, São Paulo: Martins Fontes, 2007.

DA SILVA, Maria Angélica; MELO, Taciana. Santiago, ALVES, Naiade. Faith and travel: old Franciscan friaries and itinerancy from Italy to Portugal and Brazil. In: VIII Congresso AISU. Nápoles: Cirice, 2017. v. 1. p. 25-30.

DEBRAY, Regis. Vida e morte da imagem. Petrópolis: Vozes, 1993.

DI PARMA, Salimbene de Adam. Cronaca (tradução de Berardo Rossi.) Bolonha: Radio Tau, 1987.

ESPERANÇA, Manuel da Frei. História Seráfica da Ordem dos Frades Menores de S. Francisco da Província de Portugal, v.1 e 2. Lisboa, 1656 e 1666.

FINI, Marcello. Bologna sacra: tutte le chiese in due millenni di storia. Bolonha: Pendragon, 2007.

FRESNEDA, Francisco Martinez. Manual de filosofia franciscana. Madrid: Bibl. de Autores Cristianos, 2004.

GARANI, Luigi. Il bel S. Franceso di Bologna. Bologna: Tipografia Parma, 1948.

JORGE, Virgolino Ferreira.  Organização espácio-funcional da abadia cistercienses medieva Alcobaça como modelo de análise. In Itinerarium, n. 185. Lisboa: Editorial Franciscana, 2006.

LE GOFF, Jacques. Apostolat mendicant et fait urbain dans la France médiévale. in: Annales economies, sociétés, civilisations, Paris: Armand Colin, mar-abril, 1968 e julho/agosto, 1970.

LE GOFF, Jacques. São Francisco de Assis. (tradução de Marcos de Castro). Rio de Janeiro: Record, 2011.

LOPES, Félix Frei. Colectânea de Estudos de História e Literatura – Fontes Históricas e Bibliografia Franciscana Portuguesa. Lisboa: Academia Portuguesa da História, 3v., 1990.

MAIOLI, Giorgio; GIANAROLI, Onofrio. Monasteri e conventi francescani in Emilia Romagna. Bolonha: Labanti & Nanni, 1995.

MALAFARINA, Gianfranco (Ed.). La Basilica di San Francesco ad Assisi. Mirabilia Italie Guide. Modena: Franco Cosimo Panini Editore, 2005.

MARANESI, Pietro. Il cantico delle creature di Francesco d’Assisi: vie di lode al signore della vita. In: Frate Francesco - Rivista di cultura francescana, ano 83, n. 2, Roma: Nuova Serie, 2017.

MERLO, Grado Giovanni. Em nome de Francisco – história dos Frades Menores e do franciscanismo até inícios do século XVI. Petrópolis: Vozes, 2005.

RIBEIRO, Bartolomeu. Guia de Portugal Franciscano Continental e Insular. Leixões: Residência de Leixões, 1946.

RICCI, Teobaldo. La Celle di Cortona, storia e spiritualità. Gênova: Marconi, 2009.

ROBSON, M. The Franciscans in the Middle Ages. Suffolk & New York: Boydell Press, 2009.

ROMANO, Serena, “Giotto, Francesco, i Francescani” in GRAU, Engelbert, MANSELLI, Raoul, ROMANO, Serena. Francesco e la rivoluzione di Giotto. Parma: Edizione Biblioteca Francescana, 2018.

ROS, Vicente Garcia. Los Franciscanos y la arquitectura de San Francisco a la exclaustración. Valência: Editioral Assis, 2000.

SCHENKLUHN, Wolfgang. Architetettura degli Ordini Mendicanti – Lo stile architettonico dei Domenicani e dei Francescani in Europa, Padova: Editrici Francescane, 2003.

SCHENKLUHN, Wolfgang. San Francesco in Assisi: Ecclesia Specialis. Milão: Edizione Biblioteca Francescana, 1994.

SERRA, Joselita Raspi (org.). Gli Ordini Mendicanti e la citttà. Milão: Edizioni Angelo Guerini, 1990.

SOUSA, Bernardo Vasconcelos, et al. Ordens religiosas em Portugal. Das origens a Trento - guia histórico. Lisboa: Livros Horizonte, 2006.

TEIXEIRA, Celso Márcio (Org.). Fontes Franciscanas e Clarianas. Petrópolis: Editora Vozes, 2008.

VAUCHEZ, André. Francisco de Assis - entre história e memória. Lisboa: Instituto Piaget, 2013.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-3356.2019v12n24p147

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Antíteses
Londrina/PR - Brasil
ISSN: 1984-3356

antiteses@uel.br

CNPQ PPG-HS DORA OJS