Elite política regional e formação de um partido nacional: organização interna, desempenho eleitoral e extinção do Partido Republicano Liberal (Estado do Paraná, 1913-1915)

Sandro Aramis Richter Gomes

Resumo


Este artigo apresenta uma análise sobre a participação de integrantes da elite política paranaense na criação de um partido nacional, o Partido Republicano Liberal (PRL). O objetivo deste estudo é a produção de um conhecimento sobre os fatores que ocasionaram a implantação e a dissolução da citada agremiação no Estado do Paraná, entre os anos de 1913 e 1915. Um argumento capital desta análise afirma que a elite dirigente do PRL no Paraná contava com a presença de egressos do partido governista que existia nesse estado. As lideranças municipais dessa agremiação também tiveram passagens pela agremiação situacionista. Assim, a fundação de diretórios desse partido no Paraná foi uma estratégia para antigos governistas permanecerem politicamente ativos. Outra constatação deste artigo salienta que o desempenho eleitoral de candidatos do PRL a deputado estadual foi mais expressivo do que o desempenho de candidatos avulsos.

Palavras-chave


Diretórios partidários; Elites regionais; Estado do Paraná; Partidos políticos; Primeira República

Texto completo:

PDF

Referências


ANTONACCI, Maria Antonieta. RS, as oposições e a Revolução de 23. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1981.

ABREU, Alzira (coord.). Dicionário histórico-biográfico da Primeira República (1889-1930). Rio de Janeiro: Editora da FGV, 2015.

ATHAIDES, Rafael. As paixões pelo sigma: afetividades políticas e fascismos. 2012. Tese (Doutorado em História) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2012.

BERSTEIN, Serge. Os partidos políticos. In: RÉMOND, Réne (org.). Por uma história política. 2. ed. Rio de Janeiro: Ed. da FGV, 2003. p. 57-98.

CASALECCHI, José Ênio. O Partido Republicano Paulista: política e poder (1889- 1926). São Paulo: Brasiliense, 1987.

CHACON, Vamireh. História dos partidos brasileiros. Brasília: Ed. da Universidade de Brasília, 1981.

CHARLE, Christophe. A prosopografia ou biografias coletivas: balanço e perspectivas. In: HEINZ, Flávio (org.). Por outra história das elites. Rio de Janeiro: Editora da FGV, 2010. p. 41-54.

COSENZA, Apoena. Um partido, duas táticas: uma história organizativa e política do Partido Comunista Brasileiro (PCB), de 1922 a 1934. 2013. Tese (Doutorado em História Social) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013.

DANTAS, José Ibarê. Os partidos políticos em Sergipe. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1989. ´

DIETRICH, Ana. Nazismo tropical? :o Partido Nazista no Brasil. 2007. Tese (Doutorado em História Social) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.

FERREIRA, Marieta de Moraes. Em busca da idade de ouro: as elites políticas fluminenses na Primeira República (1889-1930). Rio de Janeiro: Editora da Universidade Federal do Rio de Janeiro: Edições Tempo Brasileiro, 1994.

FIGUEIREDO, Vítor Fonseca. Voto e competição política na Primeira República: o caso de Minas Gerais. 2016. Tese (Doutorado em História) – Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2016.

FONTOURA, João Neves da. Rui Barbosa, orador. Rio de Janeiro: Ministério da Educação e Cultura, 1960.

FRANCO, Afonso Arinos de Melo. História e teoria dos partidos políticos no Brasil. São Paulo: Alfa-Ômega, 1974.

GONÇALVES, João. Rui Barbosa: pondo as ideias no lugar. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2000.

LYNCH, Christian Edward Cyril. A utopia democrática: Rui Barbosa entre o império e a república. In: SENNA, Marta (org.). Rui Barbosa: seleção de textos fundamentais. Rio de Janeiro: Fundação Casa de Rui Barbosa, 2007. p. 37-66.

LYNCH, Christian Edward Cyril. Da monarquia à oligarquia: história institucional e pensamento político brasileiro (1822-1930). São Paulo: Alameda, 2014.

MAGALHÃES JÚNIOR, Raimundo. Rui, o homem e o mito. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1979.

MONTENEGRO, Abelardo. Os partidos políticos no Ceará. Fortaleza: Editora da Universidade Federal do Ceará, 1980.

PARANÁ. [Constituição (1892)]. Constituição Política do Estado do Paraná. Curitiba: Tipografia da Penitenciária do Estado, 1909.

PARANÁ. [Constituição (1927)]. Constituição Política do Estado do Paraná. Curitiba: Diário Oficial do Estado do Paraná, 1927.

PARANÁ. Mensagem dirigida ao Congresso Legislativo do Paraná pelo presidente do Estado Caetano Munhoz da Rocha. Curitiba: [s. n.], 1923.

PINTO, Surama Conde Sá. Só para iniciados: o jogo político na antiga capital federal. Rio de Janeiro: Mauad, 2011.

PRADO, Maria Lígia Coelho. A democracia ilustrada: o Partido Democrático de São Paulo, 1926-1934. São Paulo: Ática, 1986.

PORTO, José. Pinheiro Machado e seu tempo. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1951.

PORTO, Walter Costa. O voto no Brasil: da Colônia à 6ª República. Rio de Janeiro: Topbooks, 2002.

RICCI, Paolo; ZULINI, Jaqueline. Partidos, competição política e fraude eleitoral: a tônica das eleições na Primeira República. Dados, Rio de Janeiro, v. 57, n. 2, p. 443-479, 2014.

SAMPAIO, Consuelo Novais. Os partidos políticos da Bahia na Primeira República: uma política de acomodação. Salvador: Ed. da UFBA, 1978.RESENDE, Maria Efigênia. Formação da estrutura de dominação em Minas Gerais: o novo PRM (1889-1906). Belo Horizonte: UFMG: Proed, 1982.

SARMENTO, Sílvia. A Raposa e a Águia: J. J. Seabra e Rui Barbosa na política baiana da Primeira República. 2009. Dissertação (Mestrado em História) – Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2009.

SIRINELLI, Jean-François. Os intelectuais. In: RÉMOND, Réne (org.). Por uma história política. 2. ed. Rio de Janeiro: Ed. da FGV, 2003. p. 231-270.

STONE, Lawrence. Prosopografia. Revista de Sociologia e Política, Curitiba, v. 19, n. 39, p. 115-137, jun. 2011.

VIANA FILHO, Luiz. A vida de Rui Barbosa. Rio de Janeiro: José Olympio Editora, 1977.

VISCARDI, Cláudia Maria Ribeiro. O teatro das oligarquias: uma revisão da política do “café com leite”. 2. ed. Belo Horizonte: Fino Traço, 2012.

WITTER, José Sebastião. O Partido Republicano Federal (1893-1897). São Paulo: Brasiliense, 1986.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-3356.2019v12n24p236

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Antíteses
Londrina/PR - Brasil
ISSN: 1984-3356

antiteses@uel.br

CNPQ PPG-HS DORA OJS