Representações da Palestina por Joe Sacco em seu livro reportagem “Notas sobre Gaza” (2002-2010)

José Rodolfo Vieira

Resumo


O objetivo desse trabalho consiste em compreender a visão de mundo do jornalista estadunidense Joe Sacco em seu trabalho “Notas sobre Gaza” após o 11 de setembro nos Estados Unidos. Em 2002, depois de trabalhar em conjunto com Chris Hedge para a revista Harpers, Sacco retorna para a Palestina e produz “Notas sobre Gaza”. Em suas páginas, o jornalista representou os ataques aos vilarejos de Khen Younis e Rafah em 1956 que deixou mais de 270 mortos do lado palestino. A hipótese norteadora dessa pesquisa leva em consideração a possibilidade da existência de diversos discursos além da posição midiática dos grandes meios de comunicação acerca à “Guerra ao Terror” e a necessidade de retomar os eventos de 1956 na Palestina como maneira de repensar as consequências da guerra contra o terrorismo iniciada pelos Estados Unidos e Israel no Oriente Médio. Para isso, o conceito de representações do historiador francês, Roger Chartier, colabora para a compreensão de sistemas de representações produzidos por grupos distintos que visam em suas estratégias comunicarem de maneira eficaz, ou seja, que seja favorável as suas ideologias e a legitimação de suas ações. Sendo “Notas sobre Gaza” fonte e objeto de nossa pesquisa, compreendemos também que o trabalho de Sacco não é único e muito menos um grande trabalho inovador, mas que a sua produção só foi possível mediante as várias camadas de outros trabalhos acadêmicos e jornalísticos que exprimiam as mais variadas representações acerca dos atentados e dos desdobramentos que as ações estadunidenses de “Guerra ao Terror” desencadearam na Palestina.

Palavras-chave


Neoconservador; Estados Unidos; Representações; História em Quadrinhos

Texto completo:

PDF

Referências


ARBEX JUNIOR, José. Terror e esperança na Palestina. São Paulo: Casa Amarela, 2002.

BARKER, Martin. The reception of Joe Sacco’s Palestine. Participations Journal of Audience & Reception Studies, Newcastle, v. 9, n. 2, p. 58-73, 2012.

CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Rio de Janeiro: Editora Bertrand Brasil, 1990.

CHOMSKY, Noam. 11 de setembro. Rio de Janeiro: Editora Bertrand Brasil, 2003.

CHOMSKY, Noam. Mídia: propaganda política e manipulação. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2013.

DEMANT, Peter. O mundo muçulmano. São Paulo: Contexto, 2013.

DEUTSCH, Gerald. Footnotes in Gaza. The New York Times, New York, 8 Jan. 2010. Disponível em: https://www.nytimes.com/2010/01/10/books/review/Letters-tFOOTNOTESING_LETTERS.html. Acesso em: 10 nov. 2018.

ECO, Umberto. Apocalipticos e Integrados. São Paulo: Editora Perspectiva, 1998.

EISNER, Will. Quadrinhos arte sequencial princípios básicos e práticos do lendário cartunista. 4. ed. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2010.

FUKUYAMA, Francis. O dilema americano: democracia, poder e o legado do neoconservadorismo. Tradução de Novaldo Montigelli Junior. Rio de Janeiro: Rocco, 2006.

GARCIA, Santiago. A novela gráfica. Tradução de Magda Lopes. São Paulo: Martins Fontes, 2012.

GATTAZ, André. A guerra da Palestina. São Paulo: Usina do Livro, 2003.

GREENBERG, Neil. To the editor. The New York Times, New York, 8 Jan. 2010. Disponível em: https://www.nytimes.com/2010/01/10/books/review/Letters-tFOOTNOTESING_LETTERS.html. Acesso em: 10 nov. 2018.

HOBSBAWM, Eric. Globalização, democracia e terrorismo. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

HOBSBAWM, Eric. Tempos fraturados: cultura e sociedade no século XX. São Paulo: Companhia das Letras, 2013.

HUNTINGTON, Samuel P. O choque de civilizações e a recomposição da ordem mundial. Rio de Janeiro: Objetiva, 1997.

JORGE, Ruy Alves. A justiça está com os Árabes: história do conflito árabeisraelense. São Paulo: [s. n.], 1975.

KIERNAN, Victor G. Estados Unidos: o novo imperialismo. Rio de Janeiro: Record, 2009.

LEWIS, Bernard. A crise do islã: guerra santa e terror profano. Tradução de Maria Lúcia de Oliveira. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2004.

LIMA, Edivaldo Pereira. Páginas ampliadas: o livro-reportagem como extensão do jornalismo e da literatura. Barueri: Manole, 2004.

MAZUR, Dan; DANNER, Alexander. Quadrinhos: história moderna de uma arte global. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2014.

MORIN, Edgar. Cultura de massas no século XX: o espírito do tempo. Rio de Janeiro: Companhia Editora Forense, 1969.

RABELLO, Aline Louro de Souza e Silva. O conceito de terrorismo nos jornais americanos: uma análise de textos do New York Times e do Washington Post, logo após os atentados de 11 de setembro. 2006. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006.

SACCO, Joe. Notas sobre Gaza. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

SACCO, Joe. Palestina. São Paulo: Conrad Editora do Brasil, 2011.

SAID, Edward W. Orientalismo: o oriente como invenção do ocidente. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.

SOUZA, Jorge Prado. Uma história crítica do fotojornalismo ocidental. Florianópolis: Letras Contemporâneas, 2000.

STAROBINSKI, Jean. A literatura: o texto e o seu intérprete. In: LE GOFF, Jacques; PIERRE, Nora. História: novas abordagens. Rio de Janeiro: F. Alves, 1976. p. 132- 143.

UNRWA - UNITED NATIONS RELIEF AND WORKS AGENCY FOR PALESTINE REFUGEES. Gaza Flash Appeal. [S. l.]: UNRWA, 2009. Disponível em: https://www. un.org/unispal/document/unrwa-gaza-flash-appeal-january-2009/. Acesso em: 26 set. 2018.

UPPSALA UNIVERSITED. Uppsala conflict data project. Uppsala: Uppsala Universited, 2018. Disponível em: http://ucdp.uu.se/#country/666. Acesso em: 21 set. 2018.

WILLIS, Susan. Evidências do real: os Estados Unidos pós-11 de Setembro. Tradução de Marcos Fabris, Marcos Soares. São Paulo: Boitempo, 2008.

ZIZEK, Slavoj. Bem vindo ao deserto do real: cinco ensaios sobre o 11 de setembro e datas relacionadas. São Paulo: Editorial Boitempo, 2003.




DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1984-3356.2020v13n25p833

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Antíteses
Londrina/PR - Brasil
ISSN: 1984-3356

antiteses@uel.br

CNPQ PPG-HS DORA OJS