PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL DA UEL

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO (POP)

DESCARTE DE ISOPOR

 

Resíduo

Poliestireno expandido (isopor)

Nesta categoria entram o isopor de embalagens como marmitex, de equipamentos e os utilizados na construção civil, como lajes e rodatetos.

Geradores

Todos os setores da UEL

Responsável pela Destinação

Isopor de lajes (reciclável) : PCU/DPOM e HU/DMPE;

Isopor de embalagens de alimentos como marmitex, bandeijas de frios, etc (rejeito): Todos os setores geradores; 

Isopor de embalagens de equipamentos (reciclável): Pode ser enviado normalmente na Coleta Seletiva.

Recursos Necessários

Isopor de laje e equipamentos: Baias, bags ou sacos plásticos verdes, dependendo do volume;

Isopor de embalagens de alimentos: Descartados em sacos pretos para rejeitos.

Armazenamento

Preferencialmente, em local coberto ou contêineres, conforme o caso.

Procedimentos para Coleta

Isopor de laje (Reciclável): Os materiais devem recolhidos e transportados, por colaborador designado até os locais de armazenamento - baias ou caçambas - devem ser separados e, caso o volume seja grande, deve ser feito o encaminhamento diretamente para empresa recicladora ou cooperativa. O contato com a empresa ou cooperativa deve ser feito pela chefia do setor responsável pelo recolhimento ou pelo Programa ReciclaUel, quando solicitado.

Isopor de embalagens de equipamentos (Reciclável): Devem ser encaminhados em sacos verdes para os locais de armazenamento de materiais recicláveis. Quando a quantidade justificar, deve ser emitida solicitação de serviço específica para recolhimento diretamente no local.

Isopor de embalagens de alimentos (Rejeito): Devem ser acondicionadas em sacos pretos e encaminhadas para local de coleta de rejeitos (contêineres com rodízio).

OBS: Hospital Universitário: A separação, manuseio e descarte dos materiais do HU devem ser feitos de acordo com os tipos de Isopor citados acima.

Destinação Final

Deve haver o recolhimento e guarda do material, respeitando os preceitos apresentados, observando-se cada tipo de Isopor. Quando se tratar de volumes pequenos, os mesmos podem ser acondicionados nos contêineres destinados ao armazenamento de resíduos, para posterior recolhimento. Volumes grandes devem ser acondicionados em bags e feito recolhimento e transporte específicos, mediante solicitação de serviço.

Os materiais que podem ser reciclados deverão ser encaminhados para cooperativas ou empresa especializada para serem extrusados e destinados à empresa recicladora. É necessário que o isopor esteja seco, limpo  e livre de outras substâncias, para que permita a reciclagem do mesmo.

Em relação aos rejeitos, deverão ser encaminhados para aterro sanitário para Resíduos Classe IIA.

Empresas/Cooperativas licenciadas

Cooper Região

ISONORTE

 

 

 

 
© Universidade Estadual de Londrina
Rodovia Celso Garcia Cid | Pr 445 Km 380 | Campus Universitário
Cx. Postal 10011 | CEP 86057-970 | Londrina - PR

e-mail: mjsartor@uel.br